ELEIÇÃO DE 2018

PTB do ex-prefeito Chico Galindo se organiza para lançar nome ao Paiaguás

O ex-prefeito de Cuiabá, Chico Galindo (PTB), revelou que o PTB já iniciou esforços para viabilizar uma candidatura ao governo do Estado em 2018.

Além disso, segundo Galindo, a sigla planeja eleger ao menos um deputado federal.

As declarações foram dadas na última quarta-feira (11), ocasião na qual o deputado federal goiano, Jovair Arantes (PTB), se reuniu com o governador, Pedro Taques (PSDB), em busca de votos para a eleição da presidência na Câmara Federal. A informação é do jornal A Gazeta

Veja Mais

Um comentário em “PTB do ex-prefeito Chico Galindo se organiza para lançar nome ao Paiaguás”

  1. José Dias Costa disse:

    Porque será que nós, brasileiro somos assim?
    Estamos sempre criando um amontoado de dificuldades para depois vender facilidades, mas como o repertorio é vasto, o contrario também acontece; onde tudo é muito pratico, mesmo sem se dar o trabalho de explicar, tudo é muito fácil, extremamente fácil, e depois você se vira por aí com as suas dificuldades – Esta nossa cultura é especialista em vendas de qualquer coisa com tanta voracidade, que até esquecem-se de passar a nota fiscal; a esperteza é de tal encantamento que lhe vendem um produto de quinta categoria pelo triplo de preço, com defeito pagando com juros de 300%, mas pelo ar da sua graça ainda lhe pedem caixinha. Quem somos nós, povo brasileiro que vai remando e trocando paços indecisos pela vida sem saber quem somos pra onde vamos, e nem onde iremos chegar.
    Neste caminho indefinido tem sempre um toco, um estrepe que até parece ser o final do caminho – Onde está todo mundo querendo vender alguma coisa, mas talvez por castigo, não tem ninguém com dinheiro para comprar. Neste procedimento muitos bebem e outros também ficam tontos; o caminho só é fácil seguir, por não ter pra onde ir – O conforto, é que no caminho das relatividades das coisas sempre colhemos o que plantamos; e isto quer dizer, que quando os problemas só dependem de nós, eles são mais fáceis de serem resolvidos – Neste fisiologismo recheado de más intenções, o castigo vem em forma de estresse, onde muitos até conseguem o dinheiro, mas a felicidade certamente está aprisionada. Essas pessoas finalizam o ano dizendo as mesmas coisas que disseram no final do ano passado, ou seja, eles vivem no vazio do vender, vender, vender, mesmo sem ter quase ninguém em condições honestas de comprar – Assim, finalizam o ano com aquela frase que era usada no tempo dos escravos, onde tudo era muito “Obrigado”. Para o ano de 2017 que se aproxima esperamos do povo brasileiro, façam pelo ao menos, duas mudanças em nome da cidadania: mudanças de conceitos e de atitude – Com essas expectativas.
    Entendendo de que não existe ano novo com velhos problemas eu, José Dias Costa estou lançando o livro “O Brasil precisa encontrar um caminho” http://www.autografia.com.br/loja – Fone: 3179-0979 – Esse livro é uma critica política, mas bem que poderia ser chamado de “Consciência da Cidadania”. (obrasilprecisaencontrarumcaminho.blogspot.com.br)

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *