https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2016/03/tre.jpg

EM VG

MPE entra com ação na Justiça Eleitoral para cassar quatro vereadores eleitos

Reprodução

O Ministério Público Eleitoral (MPE) ofereceu ações na Justiça Eleitoral na qual requer a cassação do mandato de quatro vereadores eleitos no município de Várzea Grande.

Todos são acusados de contrair ilegalmente dinheiro para subsidiar despesas da campanha eleitoral de 2016.

As denúncias formuladas pelo promotor Luciano de Oliveira atinge os vereadores Gidenor Anselmo de Menezes (PTdoB), popular Gordo do Goiano, Gisela Aparecida de Barros, Gisa Barros (PSB), Miguel Angel, Dr Miguel e Ademar Jajah, ambos do PSDB.

 Todas as ações são baseadas na reprovação das contas de campanha pela Justiça Eleitoral que identificou irregularidades graves.

Também foram denunciados por suspeita de fraudes nas contas de campanha os suplentes de vereador Miguel Baracat (PSC), o suplente de vereador Alecsand Moreira da Silva – popular Alessandro do Correio (PSB), e também suplente de vereador Jadir Pereira (PTB).

Embora tenham sido condenados em primeiro grau por irregularidades nas contas de campanha, todos já recorreram ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) requerendo a reforma da decisão. Os recursos ainda não foram apreciados.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *