ATROPELAMENTO DE PEDESTRE

Prefeitura de Sinop indeferiu pedido para realizar evento na rua; dois ficaram feridos

A prefeitura de Sinop encaminhou nota ao Mato Grosso Mais sobre o acidente ocorrido na manhã deste domingo (5) envolvendo um duas pessoas.

O acidente aconteceu durante um encontro de motociclistas no município, na Avenida Tarumãs, região central do município.

Imagens feitas a partir de celulares gravaram o momento exato do atropelamento.

Segundo informações, o condutor da moto, identificado por  M.C., de 31 anos, acabou atingindo M.G.L, também de 31 anos.

O choque foi tão forte que parte do peito de M.G.L ficou aberto.

Os dois foram levados em estado grave para o Hospital de Metropolitano de Sinop.

Segundo a nota da prefeitura, a empresa responsável pelo evento solicitou ao município para que fosse fechada a rua Primaveras, no cruzamento com a rua Tamareiras e avenida dos Tarumãs, mas o pedido foi negado.

No indeferimento, a equipe técnica da secretaria explica que: “como não se verifica o interesse público no evento, deve-se evitar a exposição dos participantes a acidentes de trânsito”.

Diante do indeferimento, nenhuma das vias foi trancada e a Guarda de Trânsito não isolou as ruas ou calçadas, uma vez que, com o indeferimento o evento deveria ser realizado na sua integralidade dentro do estabelecimento comercial.

VEJA ABAIXO VÍDEO DO ACIDENTE:

NOTA ACIDENTE AVENIDA DOS TARUMÂS

Em relação ao acidente ocorrido na Avenida dos Tarumãs no final da manhã desse domingo (05), a Secretaria de Trânsito e Transporte Urbano de Sinop esclarece que:

A Organização do evento fez solicitação para que fosse realizado o fechamento da Rua das Primaveras, no cruzamento com a Rua das Tamareiras e Avenida dos Tarumãs, e a solicitação foi indeferida.

No indeferimento a equipe técnica da secretaria explica que: “como não se verifica o interesse público no evento, deve-se evitar a exposição dos participantes a acidentes de trânsito”.

Diante do indeferimento, nenhuma das vias foi trancada e a Guarda de Trânsito não isolou as ruas ou calçadas, uma vez que, com o indeferimento o evento deveria ser realizado na sua integralidade dentro do estabelecimento comercial.

Conforme previsto no documento, a inobservância do previsto poderá ser punida com multa que varia entre cinco e trezentos UFIR, independente das condições civis e penais cabíveis.

A secretaria reitera que durante o evento, entre as 7h e 10h da manhã, fez algumas rondas pelo local e verificou que o evento ocorrida dentro da normalidade no interior da empresa.

O acidente em questão aconteceu após o horário programado para terminar o evento e não foi feita nenhuma denúncia de direção perigosa à Guarda de Trânsito.

Secretaria Municipal de Trânsito

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *