https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2016/02/dinheiro-e1500667974189.jpg

CÂMARA DE VÁRZEA GRANDE

Câmara de Várzea Grande pode aprovar projeto de lei que aumenta em 200% salário do presidente

Divulgação

O presidente da Câmara de Vereadores de Várzea Grande, Chico Curvo (PSD), defendeu, em entrevista dada à rádio Capital FM de Cuiabá,  projeto de lei que pode elevar o valor da Verba Indenizatória somente do chefe do Legislativo Municipal de R$ 10 mil para R$ 20 mil.

Ele argumentou, na entrevista, que está cometendo nenhuma ilegalidade, que somente está propondo o que seria direito para que comanda a Câmara de Vereadores de Várzea Grande.

“Eu tenho credibilidade, sou respeitado, tenho trabalho aqui em Várzea Grande, isso é coisa de gente que tem inveja”, declarou o parlamentar.

Curvo afirmou que está propondo o projeto de lei porque os presidentes passados não teriam legalizado esta situação.

Ele ponderou que só é a favor da retirada da Verba Indenizatória se todas as Câmaras de Vereadores do país também não tenha,

O projeto foi apresentado nesta quarta-feira e deve ser votado na próxima sessão, prevista para o dia 1º de março.

Caso o projeto seja aprovado, o presidente receberá mais de R$ 30 mil, já considerando seu salário. Os demais vereadores, somado verba e salário chega a R$ 19 mil mensais.

Vale lembrar que o Tribunal de Contas, recentemente, considerou ilegal as verbas indenizatórias especiais para o presidente e 1º secretário da Câmara de Cuiabá.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *