TREM FANTASMA

Justiça de Mato Grosso manda igreja evangélica desocupar área por onde passará o VLT

O juiz Agamenon Alcântara Moreno Junior, da Terceira Vara Especializada da Fazenda Pública do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJ-MT), confirmou a reintegração de posse de uma área localizada na Avenida Fernando Corrêa, em Cuiabá.

No local está construída a Igreja da Paz, de culto evangélico, que deverá perder seu espaço sem a necessidade de ser restituída a título de perdas e danos. A decisão é do último dia 16 de fevereiro.

O Estado alega que a área utilizada pela Igreja – construída no bairro Boa Esperança, na Capital -, deveria ser desapropriada para possibilitar a implantação do Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT), e que o espaço situa-se num prolongamento da Rodovia Federal BR-364 – fato que dispensa o Governo de Mato Grosso de “comprar” o terreno, uma vez que trata-se de bem público “ocupado indevidamente”, segundo os autos do processo. Com informações do Folhamax.

Veja Mais

Um comentário em “Justiça de Mato Grosso manda igreja evangélica desocupar área por onde passará o VLT”

  1. felipe disse:

    Gostei muito do que li aqui no seu site.Estou estudando o assunto,Mas quero agradecer por que seu texto foi muito valido. Obrigado 🙂

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *