https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/08/lance-09082019150335122.jpeg

CAMPEÃ NA RIO-2016

Atleta encara favoritismo em busca do primeiro ouro no Pan

Lance

Campeã olímpica na Rio-2016 na categoria até 57 kg, a brasileira Rafael Silva será a principal atração nesta sexta-feira, segundo dia de competições do judô nos Jogos Pan-Americanos de Lima. Ela estará em ação a partir das 17h (de Brasília), no Polideportivo 1, no Complexo Esportivo de Videna. Será a grande oportunidade para Rafaela finalmente conquistar sua primeira medalha de ouro em um Pan-Americano.

A brasileira chegou ao pódio em suas duas participações anteriores, porém longe do posto mais alto. Foi prata em Guadalajara-2011 e bronze quatro anos depois, nos Jogos de Toronto. Será que agora, na condição de última campeã olímpica, chegou o momento da consagração? A própria Rafaela prefere manter os pés no chão.

– O nível do judô feminino é muito forte nas Américas. Já tivemos três campeãs olímpicas na região, eu entre elas. No caso da minha categoria, todas chegarão sem tanta responsabilidade, que ficará toda para mim. Preciso ficar atenta para não ser surpreendida – disse Rafaela, quinta melhor judoca no ranking da IFJ (Federação Internacional de Judô). Ela fará sua luta de estreia contra a americana Amelia Fulgentes.

A campanha do Pan de Lima está impondo a alguns dos integrantes do judô brasileiro, Rafaela Silva entre eles, um desafio extra: emendar uma viagem para Tóquio, onde a partir do próximo dia 25 começará o Campeonato Mundial. O evento dará importantes pontos no ranking olímpico que definirá os participantes nos Jogos de Tóquio-2020.

– Desde o começo do ano já estamos neste ritmo forte de várias competições, mas claro que estas são os nossos principais focos na temporada. O importante é não perder o foco de agora, que tem que ser o Pan-Americano, e tentamos chegar na melhor forma possível ao Mundial – afirmou Rafaela.

Além dela, outros dois brasileiros estarão em ação nesta sexta-feira, ambos na chave masculina. Na categoria até 66 kg, Daniel Cargnin, um dos nomes mais promissores da nova geração, irá estrear contra o vencedor do duelo entre o mexicano Nabor Castillo e o americano Ryan Vagas. Nos 73 kg, Jeferson Santos terá como rival de estreia o venezuelano Sergio Mattey.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Mais


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 9 de agosto de 2019 às 14:29:30
  • 9 de agosto de 2019 às 14:28:36