https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/08/Doação-de-sangue.jpg

PARCERIA

Polícia Militar participa de campanha de doação de sangue

ALECY ALVES E LAURA GONÇALVES / SECOM-MT
redacao@matogrossomais.com.br

PM-MT

A Polícia Militar participa da campanha de doação de Sangue ‘De Mãos Dadas pela Vida’, organizada pela Comissão de Direito Sistêmico da Ordem dos Advogados (OAB-MT). Nesta sexta-feira (09.08), atendendo ao chamado da seccional da entidade de classe, policiais militares doaram sangue e incentivaram colegas, familiares e amigos a praticar esse ato de amor ao próximo tão fundamental à preservação da vida.

A coordenadora adjunta de Comunicação e Marketing da PM, capitã Raíssa Helena Amorim Farinha, não só doou como está apoiando a campanha e estimulando a participação de colegas militares.

Carlos Heliabe, de 34, já é doador regular, mas para essa campanha recebeu o convite do primo, o aluno soldado da Polícia Militar Rafael Cosmo. Angello Maranholi, estudante de Direito, também foi convidado, ou quase convocado por uma policial militar, no caso sua mãe, a sargento Sonia Maranholi.

Essa ação faz parte das comemorações do ‘Mês da Advocacia’ e é realizada em parceria com a Caixa de Assistência dos Advogados (CAA), da Polícia Militar e do Hemocentro MT.

Cleiva Dummel, membro da Comissão de Direito Sistêmico, explica que o objetivo é contribuir com a captação de sangue, a reposição e o aumento do estoque para que possam continuar salvando vidas, vidas que dependem desse ato de solidariedade.

Maurien Reinoso, enfermeira e gerente do Hemocentro, observa que campanhas como essas fazem com os estoques do banco de sangue aumentem e que conquistem novos doadores. Também fazem com que os doadores regulares se lembrem que já está no período de uma nova doação. Ela frisa que além do sangue usado nas transfusões comuns, as doações permitem a coleta de outros componentes a e o cadastramento no banco de medula óssea.

Ex-diretora do Hemocentro, a medica Elianne Curvo acompanhou a campanha em seu último dia de trabalho antes de oficializar a aposentadoria. Depois de 37 anos atuando na área da saúde, Eliana diz que o mais importante para quem vai até um banco de sangue fazer uma doação é a certeza que não está agindo pensando apenas em si mesmo, mas do próximo, no bem-comum.

As doações podem ser realizadas de segunda à sexta-feira, das 7h30 às 17h30, e aos sábados no período matutino. Para ser um doador é necessário, por exemplo, ter 18 anos e pesar 50 quilos ou mais. O Hemocentro está localizado na rua 13 de Junho, 1055, no Centro Sul, em Cuiabá. Mais informações direto no Hemocentro – 3623-0044.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Mais