https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/08/lance-25082019191341255.jpeg

3 DE OURO

Paratletismo dá seis medalhas ao Brasil em Lima

Lance

O Brasil teve um domingo de ótimos resultados nos Jogos Parapan-Americanos de Lima. Até o momento, o atletismo já rendeu sete medalhas para o país, sendo três de ouro. Alessandro Rodrigo, no arremesso de disco F11, Gabriela Mendonça, no salto em distância T11/T12 e Vitor Antônio de Jesus, nos 400m T37 foram os campeões.

Campeão na prova dos Jogos Paralímpicos do Rio 2016 e recordista mundial, Alessandro Rodrigo confirmou o favoritismo e agora é também campeão parapan-americano no arremesso de disco F11. O brasileiro marcou 45.34, o novo recorde parapan-americano e superou os adversários com larga vantagem. O argentino Alexis Ortiz, com 30.97, foi prata, e o colombiano Edwin Rodríguez, 30.24, bronze.

Vitor Antônio de Jesus foi o mais rápido nos 40mm T13 e marcou 52.78, novo recorde parapan-americano. O venezuelano Omar Verdu, com 55.12, ficou com a prata. O canadense Liam Stanley fechou o pódio com 55.22 e levou o bronze.

O Brasil não só ganhou o ouro no salto em distância T11/T12, o país conseguiu uma dobradinha e um novo recorde na prova. Gabriela Mendonça, com 5.34, estabeleceu a melhor marca parapan-americana e faturou a medalha de ouro. Atrás dela ficou Clélia Rodrigues, prata com seus 4.15. Rosario Coppola, também com 4.15, ficou com o bronze.

Nos 200m T36, Tascitha Oliveira conquistou a medalha de prata. A brasileira fez o tempo de 31.16 e ficou atrás apenas da argentina Andrea Martínez, com 31.02. A colombiana Daniela Rodríguez, com 32.20, completou o pódio.

David Wilker de Souza é medalha de bronze nos 400m T13. O brasileiro fez a marca de 51.54. O ouro foi para o mexicano Jorge Gonzalez, com 50.94. O norte-americano Markeith Price, com 51.34, ficou com a prata.

Prata no tiro esportivo

Geraldo Rosenthal, que já havia conquistado o ouro no tiro esportivo, na pistola mista SH1 50m, ficou agora com a prata. O brasileiro foi o segundo melhor na pistola mista SH1 25m. O ouro foi para o norte-americano Michael Tagliapietra e o bronze para o cubano Yenigladys Suárez.

Vitória no clássico

No futebol de 7, o Brasil enfrentou a Argentina, na primeira fase. A seleção venceu por 2 a 0, com dois gols de César e agora tem duas vitórias em dois jogos, já que havia vencido o Peru, no último sábado por 10 a 0. Na próxima segunda, o time encara a Colômbia.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO