https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/09/Sem-título.png

US$ 250 MILHÕES

Comissão do Senado aprova empréstimo e parecer segue para o plenário

Reprodução

A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) aprovou nesta quarta-feira (4) a liberação para que Mato Grosso realize o contrato de empréstimo de US$ 250 milhões com o Banco Mundial. Agora, de acordo com os trâmites, o pedido segue para análise em Plenário.

A votação já está garantida, ainda nesta quarta, pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM).

O governador Mauro Mendes (DEM), o senador Jayme Campos (DEM) e o secretário de Fazenda, Rogério Gallo, acompanham a movimentação em Brasília.

Na terça-feira (3), Mendes se reuniu com Alcolumbre, acompanhado do senador Jayme Campos, para apresentar os motivos pelos quais havia a necessidade de dar celeridade em todo o processo.

Para que fosse possível, o presidente cancelou uma sessão e, a pedido de Jayme Campos, colocou o caso para tramitar em regime de urgência.

De acordo com o chefe do Executivo Estadual, a necessidade da urgência é justificada porque na próxima semana o Estado deve honrar com o pagamento de uma das parcelas do empréstimo, junto ao Bank of América, no valor de R$ 154 milhões.

Caso o empréstimo não fosse autorizado, o desembolso desse valor poderia prejudicar no pagamento de fornecedores, prefeituras e servidores.

“Vamos utilizar todo o empréstimo que será firmado com o Banco Mundial para quitar o outro empréstimo com o Bank of América. O Estado vai ganhar, pois as parcelas serão condizentes com o nosso fluxo de caixa. Além disso, os juros contratados serão menores do que o empréstimo atual e o pagamento será em prazo maior”, explicou.

Assim que for concluída a votação e Mato Grosso conseguir a autorização, será a vez da Procuradora-Geral da Fazenda Nacional assinar o contrato. No caso desse empréstimo, o avalista do Estado é o Governo Federal.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 4 de setembro de 2019 às 21:06:41