https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/09/02-frascos-de-aerossol-3.jpg

EMBALAGENS VAZIAS

Judiciário promove campanha que ajuda animais e ambiente

Reprodução

O que você faz com as embalagens vazias de desodorantes aerossóis? Na maioria das vezes vão para o lixo residencial, mas você pode dar um destino certo para esses frascos e ajudar o meio ambiente. Uma campanha estimulada pelo Núcleo Socioambiental do Tribunal de Justiça de Mato Grosso está fazendo o descarte correto desses recipientes e ainda ajudando cães e gatos abandonados. Parceria com o projeto Lunaar recolhe os frascos e revende para conseguir recursos para castrações, tratamentos, compra de medicamentos e ração para esses animais que vivem nas ruas.
Caixas coletoras estão espalhadas pelo Tribunal de Justiça, Anexo Desembargador António Arruda, Escola dos Servidores e Fóruns de Cuiabá e Várzea Grande. Com os afazeres diários, muitas vezes as pessoas não têm tempo de levar as embalagens ao local correto de descarte ou até mesmo por não saberem onde destiná-los acabam depositando em lixo normal.
A cada 30 dias os produtos são recolhidos e vendidos nos sucatões de Cuiabá. Os aerossóis são produtos feitos com 100% de alumínio, muito bem aceitos para reciclagem. A comercialização dos frascos custa R$ 4,00 o quilo.
“Embora esse material não seja gerado pelo tribunal, tivemos a ideia de trabalhar a educação ambiental tanto com o público interno quanto externo, que vai ao encontro do atributo da instituição, que é fomentar a responsabilidade socioambiental. A intenção é que esse material não vá para o lixo, unindo o útil ao agradável: ajudar os animais e o meio ambiente”, comenta a líder do Núcleo Socioambiental do TJMT, Ana Carolina da Cunha Ferreira.
O Lunaar não possui sede física e ajuda aproximadamente 400 gatos e cerca de 40 cães nas ruas, em instituições e lares temporários de voluntários do projeto. Cada saco de 25 quilos de ração custa em torno de R$ 150,00, totalizando quase R$ 1.800,00 por mês. Para manter a alimentação deles são necessários 15 quilos de ração por dia.
Desde 2017 o projeto Lunaar resgata animais abandonados no entorno da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), após vários casos de envenenamento e também em demais pontos da cidade. O tema do projeto é “Juntos somos mais fortes”, justamente porque se cada um ajudar com um pouco já será suficiente para mudarmos o mundo em prol do amor.
O Lunaar aceita doações em dinheiro. Para informações, acesse a página do projeto AQUI.
Existem mais de 50 locais que são pontos de coletas do projeto Lunaar, como Secretarias de Estado, Assembleia Legislativa, Ministério Público e empresas privadas.
Sustentabilidade – o Poder Judiciário de Mato Grosso tem firmado diversas parcerias voltadas para a conscientização ambiental, incluindo projetos nas 79 Comarcas, para a promoção de cultura consciente quanto às práticas ambientais.
Essas ações desenvolvidas pelo Núcleo Socioambiental do TJMT atendem ao cumprimento da Resolução 201 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para que os tribunais realizem a conscientização e mudança de hábito dos servidores para racionalizar os custos dos serviços.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 16 de setembro de 2019 às 15:42:41
  • 16 de setembro de 2019 às 15:41:26