https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/09/WhatsApp-Image-2019-09-23-at-14.39.26-e1569264096154.jpeg

CPI DOS INCENTIVOS FISCAIS

Presidente Amaggi diz que sempre fez repasse ao Fethab e valores chegam a meio bilhão

Mato Grosso Mais

A CPI ( Comissão Parlamentar de Inquérito) da Assembleia Legislativa que investiga a suspeita de sonegação de impostos e renúncias fiscais indevidas em Mato Grosso ouve, neste momento,  o depoimento do presidente do Grupo Amaggi, Judynei Carvalho.

Os parlamentares buscam esclarecimentos a respeito da suspeita de não-recolhimento pelas empresas que compõem o grupo Amaggi do Fundo Estadual de Transporte e Habitação (Fethab) no rol de atividades econômicas desenvolvidas em Mato Grosso.

De acordo com o presidente Judynei Carvalho, de 2008 até 2019, o grupo Amaggi já repassou ao Estado cerca de meio bilhão, envolvendo comercialização e produção. Ele negou que houve interrupção no pagamento do Fethab, que a empresa nunca deixou de recolher os recursos.

“A gente sempre pagou o Fethab, independente do Governo que estava em vigor”.

O que desmente a denúncia feita pelo deputado estadual Lúdio Cabral (PT) de que a Amaggi não estaria fazendo o repasse.

Segundo ele, a Amaggi repassou em R$ 125 milhões, em 2019, R$ 104 milhões, em 2018, R$ 87 milhões, em 2017 e R$ 35 milhões, em 2016.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 24 de setembro de 2019 às 08:47:53
  • 24 de setembro de 2019 às 08:42:09