https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2017/08/jose_geraldo_riva_1-e1502630070828.jpg

ELEIÇÕES DE 2010

Riva diz que Silval Barbosa ajudou PP com R$ 7 milhões para campanha

Maurício Barbant

O PP teria recebido R$ 7 milhões do ex-governador Silval Barbosa (MDB), no ano de 2010, quando foi candidato à reeleição, após assumir o comando do executivo, em março daquele ano, em decorrência de Blairo Maggi deixar o Paiaguás para ser candidato ao Senado Federal.

O recurso seria para utilizar na campanha eleitoral de parlamentares e majoritárias que ocorreu naquele ano.

A informação consta na delação premiada feita pelo ex-presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, José Geraldo Riva, à época, no PP, encaminhada ao Ministério Público do Estado, em março deste ano.

Naquela eleição, o PP indicou Chico Daltro para compor chapa com Silval Barbosa, no cargo de vice-governador.

De acordo com informações do documento, José Riva teria intermediado o “repasse” ao PP.

Porém, a ideia do partido era obter em torno de R$ 10 milhões, mas o PP só teria conseguido obter R$ 7 milhões.

“Na campanha de 2010, juntamente com o ex-deputado […] O Colaborador negociou com Silval Barbosa uma ajuda de R$ 10.000.000,00 para o PP (Partido Progressista) que seria distribuída entre os candidatos, porém, pode afirmar que do valor combinado, Silval Barbosa pagou cerca de R$ 7.000.000,00”, diz trecho da proposta de delação. Com Folhamax.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 8 de outubro de 2019 às 11:33:39
  • 8 de outubro de 2019 às 11:32:55