https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/08/viatura-PM-sirene-e1519421693475-785x466-1.jpg

EM CUIABÁ

Filha de procuradora de Justiça é presa com pasta base em boca de fumo

Divulgação

Raphaela Maria Cicero de Sá Maranhão Ayres, de 30 anos, filha de uma procuradora de Justiça de Mato Grosso, foi presa na tarde desta quinta (31), em uma boca de fumo de Cuiabá.

A suspeita portava três trouxinhas de pasta base e mais três de substância análoga a maconha.

Além dela, foram presos Josemar Pedro de Almeida, de 31 anos, Leonardo Pedro de Almeida, de 37 anos, Alexandre Benedito de Almeida, de 31 anos, e Hebert Alaxandre Fraga, de 38 anos.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, a Polícia Militar fazia rondas pelo bairro José Pinto, quando flagrou Raphaela em uma casa próximo ao Córrego 8 de Abril,  junto com o suspeito Josemar.

Ao notar a presença da Polícia, Raphaela correu para dentro do carro dela, um Voyage Branco, e tentou fugir do local. Mas, em alguns metros, os policiais conseguiram parar o veículo.

Durante a revista, os militares encontraram a droga e deram voz prisão à suspeita,  que revelou ser usuária e que havia comprado o entorpecente do Josemar.

A PM retornou a casa de Josemar e flagrou quatro homens correndo para os fundos da casa. Os policiais fizeram o acompanhamento dos suspeitos e pediram reforço.

Após a chegada das outras guarnições, foi realizada uma varredura no terreno, onde foram encontrados oito invólucros médios de substância análogas a maconha enrolados em um insulfilme.

Dentro da casa foram encontrados materiais para o tratamento da droga e R$ 2 mil em dinheiro.

Os quatro suspeitos foram presos e encaminhados à Central de Flagrantes, sendo que todos eles têm passagem pela Polícia.

Raphaela prestou depoimento e foi solta horas depois.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 1 de novembro de 2019 às 14:30:20
  • 1 de novembro de 2019 às 09:35:59