https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/10/almt-1-785x466.jpg

"DESRESPEITO À CONSTITUIÇÃO"

Secretários de Mendes serão acionados por falta em audiência sobre VLT

Reprodução

O deputado estadual Wilson Santos (PSDB) disse que vai acionar os secretários do governador Mauro Mendes (DEM) por faltarem na audiência pública sobre o Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT), realizada na manhã desta segunda-feira (11), na Assembleia Legislativa (ALMT).

Rogério Gallo (Fazenda), Marcelo Oliveira (Infraestrutura e Logística), o controlador-geral do Estado, Emerson Hideky Hayashida, o chefe do escritório de representação de Mato Grosso em Brasília, Carlos Fávaro, e o procurador do Estado Lucas Schiwinden Dallamico, foram convocados pela AL por meio de um requerimento de autoria do tucano.

O parlamentar considerou a ausência das autoridades como um desrespeito à Constituição do Estado e ao regimento interno da Casa de Leis.

“Não respeitou a convocação da Assembleia, mandaram aqui um representante que não tinha condições de responder todos os questionamentos. Isso sem dúvida não foi um desrespeito ao deputado A ou B, foi um desrespeito ao parlamento”, disse.

O deputado fez questão de lembrar que quando o governador Mauro Mendes precisou da AL, os parlamentares sempre estiveram à disposição do chefe do executivo estadual.

“A Assembleia se auto convocou em janeiro e agora em junho/julho, trabalhamos madrugada para tratar de projetos exclusivos do governo estadual. E agora, numa convocação unânime da Assembleia, os secretários não aparecem”, reclamou.

Wilson afirmou que irá estudar junto à Procuradoria da AL as medidas que podem ser aplicadas aos titulares das pastas chamados para a audiência.

“O secretário de estado convocado é obrigado a comparecer, nós vamos estudar as consequências dessas ausências”, finalizou.

O único representante do Governo que compareceu ao evento foi o secretário adjunto Isaac Nascimento, que substituiu o titular da Sinfra, Marcelo Oliveira.

Veja o vídeo

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 12 de novembro de 2019 às 09:01:04
  • 11 de novembro de 2019 às 17:47:34