https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/07/goleiro_bruno.jpg

JUSTIÇA DO BRASIL

“A pena é tão leve”, diz ministro sobre condenação do goleiro Bruno Fernandes

Renata Caldeira/TJMG

O ministro da Cidadania, Osmar Terra, afirmou na última terça-feira (21) que a pena dada pela Justiça ao goleiro Bruno Fernandes “é tão leve” e, apesar de ter cometido um crime brutal, o jogador “ainda ganha notoriedade” com os convites feitos por times de futebol. A informação foi publicada pelo site R7.

“Como reduzir a violência, se num crime brutal cometido por um psicopata como esse goleiro Bruno, a pena é tão leve e ele ainda ganha notoriedade”, escreveu em sua conta nas redes sociais.

Fernandes foi condenado a mais de 20 anos de prisão pelo sequestro, assassinato e ocultação do cadáver de Eliza Samúdio.

Em julho de 2019, recebeu autorização judicial para ir ao regime semiaberto e deixou a prisão. Nesta quarta-feira (22), o Operário de Várzea Grande anunciou que não vai mais contratar Bruno, após uma onda de protestos em Mato Grosso.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *