https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/01/WhatsApp-Image-2020-01-22-at-18_51_22-2.jpg

RONDONÓPOLIS

Polícia Civil prende suspeitos de aplicar golpe em venda de veículo pela internet

Nesta quarta (22) a Delegacia de Roubos e Furtos de Rondonópolis (DERF) prendeu quatro pessoas suspeitas de aplicar um golpe pela internet contra uma vítima do estado de Goiás.

Os quatro foram autuados pelos crimes de estelionato e associação criminosa. A vítima sofreu um prejuízo superior a R$ 100 mil.

Os policiais apreenderam veículos e uma motocicleta, além de recuperarem parte do dinheiro do golpe. A prisão dos 4 suspeitos foi realizada após a Derf de Rondonópolis receber a informação da Polícia de Goiás sobre o golpe que foi denunciado pela vítima na cidade de Goiânia.

O golpe aconteceu após a vítima ver um anúncio de venda de um veículo no OLX e entrou em contato com o anunciante, onde iniciaram a negociação.

O anunciante informou que um familiar dele mostraria o carro à vítima e o pagamento teria que ser transferido em duas contas-correntes. E pediu que a vítima não comentasse nada da transferência à pessoa que mostraria o veículo.

Após a transferência dos valores, a vítima foi com o rapaz que mostrou o carro para lavrar o documento de venda do carro, quando ambos descobriram que tudo não passava de um golpe. A vítima então entrou em contato com a Delegacia de Roubos e Furtos de Rondonópolis informando que as contas para as quais transferiu o valor do veículo eram da cidade.

Um dos suspeitos foi localizado em uma loja de comércio de pneus, onde tentou fugir da abordagem policial. Ele é apontado por outros presos como o responsável por organizar o golpe.

Outro suspeito que recebeu metade do dinheiro da suposta venda do veículo afirmou aos policiais que com parte do dinheiro recebido adquiriu uma motocicleta.

Durante as diligências, a Polícia Civil descobriu ainda que o dinheiro recebido no golpe da vítima de Goiânia foi distribuído em diversas contas bancárias. A investigação continua para apurar se há outras pessoas envolvidas e recuperar o dinheiro.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 24 de janeiro de 2020 às 13:28:02
  • 24 de janeiro de 2020 às 13:22:41