https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/01/ze-galego-23.jpg

TRISTE COINCIDÊNCIA

Prefeito é o primeiro a ser enterrado em cemitério que construiu em sua gestão

Reprodução

José Pedro Pires da Rocha (PSB), conhecido como Zé Galego, tinha 64 anos e morreu na sexta (17) depois de sofrer um infarto enquanto viajava de Brasília para Bonito de Minas. Segundo o G1 Minas, ele havia ido à capital para assinar documentos para doação de máquinas ao município, que possui em torno de 11 mil habitantes. O sepultamento aconteceu no domingo (19).

Caso de novela:

Na novela ”O Bem-Amado” da TV Globo, o prefeito da fictícia cidade de Sucupira, o corrupto Odorico Paraguaçu (Paulo Gracindo), é eleito com a promessa de campanha “Vote em um homem sério e ganhe um cemitério”.

No entanto, Odorico enfrenta dificuldades para inaugurar a obra, já que ninguém morre na cidade, razão pela qual o político passa a criar uma série de situações que resulte na morte de alguém. No fim, quem acaba morrendo é o próprio prefeito, que consegue assim “inaugurar” o cemitério.

Antes mesmo da morte de Zé Galego, moradores de Bonito de Minas chegaram a mencionar coincidência.

“Já haviam falado com ele sobre a novela, mas ele dizia que não acreditava nisso”, conta Miqueias Figueredo (PTB), vereador e amigo do prefeito.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *