TREM BILIONÁRIO

Secretário de Mendes chama de "bandidos e filhos da p..." quem recebeu propina do VLT; vídeo

O secretário de Infraestrutura e Logística de Mato Grosso, Marcelo Oliveira, conhecido como Marcelo Padeiro, chamou de “filhos da puta” e bandidos pessoas responsáveis pela fiscalização do Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT)  que acabaram recebendo propina para não fiscalizar a obra do modal.

A fala, tensa, foi feita durante entrevista ao programa Jornal da Capital, na manhã desta segunda-feira (3), após o secretário ser questionado por um ouvinte.

O titular da Sinfra comentou, ainda na entrevista, que o governador Mauro Mendes (DEM) dará, neste primeiro semestre, uma solução sobre o que será feito do trem cuiabano, que consumiu mais de R$ 1 bilhão.

A obra do VLT começou em 2012, na gestão do então governador Silval Barbosa (na época do PMDB), e tinha previsão de ser entregue em março de 2014, três meses antes do início do mundial no Brasil.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *