Vacina que Volta ALMT

CRIME BRUTAL

Juiz marca para final de abril audiência sobre morte de jornalista em Cuiabá

DA REDAÇÃO / MATO GROSSO MAIS
[email protected]

O juiz Flávio Miraglia Fernandes, da Décima Segunda Vara Criminal, marcou para o dia  30 de abril de 2020, às 15h30, audiência de instrução sobre o caso da morte do jornalista Marcelo Leite Ferraz, no Fórum de Cuiabá. A informação foi publicada no Diário Eletrônico da Justiça, nesta quinta-feira (20).

Marcelo Ferraz foi assassinado no dia 28 de setembro de 2019, um sábado, mas o corpo dele só foi encontrado pela Polícia Civil no dia 30, segunda-feira, no bairro Bosque da Saúde, em Cuiabá.

John Lennon da Silva, de 21 anos, confessou o crime, foi preso, mas conseguiu a liberdade, por meio de um habeas corpus, em janeiro deste ano.

A vítima, segundo os laudos do Instituto Médico Legal (IML), morreu em decorrência dos traumas provocados no crânio, já que o acusado desferiu pedradas contra a cabeça do jornalista.

Ferraz tinha falado para família que iria se encontrar com um grupo de amigos na Praça da Mandioca, região central da Capital, mas não teria chegado ao local.

O suspeito disse, em seu depoimento, que matou o jornalista por ciúmes da namorada, já que teria visto ela praticar sexo oral no jornalista, versão desmentida pela moça.

John Lennon da Silva é usuário de drogas e já tem passagens pela polícia por roubo e furto.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *