https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/03/dae9aac522bc30e8e2a190dfd433c96f.jpg

VEJA O VÍDEO

Após confusão com opositores, prefeito comenta episódio de agressão

O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) saiu as presas de um evento da obra de ampliação da rede de drenagem de águas pluviais e recapeamento, no bairro Nova Esperança, região Sul de Cuiabá, na manhã desta quarta-feira (11), por causa de uma confusão que gerou até agressão a um opositor de Pinheiro.

Em um vídeo gravado por populares, é possível ver o momento da agressão, com muita gritaria e o prefeito saindo do local. As imagens não mostram Emanuel Pinheiro envolvido nas agressões. Ele aparece caminhando em direção ao carro da prefeitura e deixa o local.

O agressor é o líder comunitário Marcos Baiano, que disputou uma eleição a deputado federal em 2010 pelo PTB e já chegou a ser preso pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) acusado de tráfico de drogas. Ele é presidente da Associação dos Moradores do bairro Pedra 90.

O agredido é Paulo Lourenzon. “Só queria questionar o prefeito porque esqueceu do meu bairro todo esse tempo, onde moro desde os meus 6 anos, e agora em época de eleição vem para fazer lançamento de obra”.

Em sua rede social, Paulo aparece em fotos ao lado do vereador cassado na semana passada, Abílio Júnior, e há diversas outras postagens envolvendo o prefeito Emanuel Pinheiro, como essa ao lado.

O chefe do executivo

Emanuel afirma que a confusão da manhã desta quarta-feira (11) foi uma reação do movimento comunitário que não aceitou provocação de um pequeno grupo.

Afirma que tinha duas ou três pessoas gritando algumas palavras, mas que ele nem chegou a entender o que era. Diz ainda que tem pedido para seus apoiadores para que não reajam às provocações.

“Nem ouvi o que falaram. O que existe é que tem milhares de apoiadores fanáticos pela gestão Emanuel Pinheiro e por Emanuel Pinheiro e tenho pedido que não caiam em provocação. Mas não posso evitar, daí já não é culpa minha. Não quero violência, não quero briga”.

O outro lado

Leia a nota na íntegra:

A Prefeitura de Cuiabá lamenta o registro de confusão durante lançamento de obras de recapeamento no bairro Nova Esperança, na manhã de hoje (11).

Imperativo esclarecer que a Prefeitura de Cuiabá não compactua com situações que impliquem em violência e sempre irá primar pelo respeito e o direito de manifestação.

Por fim, reafirma que não jamais coadunaria ou estimularia o debate que não seja alicerçado no debate e livre diálogo. 

Veja o vídeo

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 11 de março de 2020 às 18:03:04
  • 11 de março de 2020 às 17:31:10