DISCRIMINAÇÃO

Assistente social do HMC chama PM para paciente

DA REDAÇÃO / MATO GROSSO MAIS
[email protected]

Um assistente social do Hospital Municipal de Cuiabá (HMC), foi vítima de discriminação racial, na madrugada deste domingo (15), e acionou a Polícia Militar, para denunciar o caso de racismo feito por um paciente de 28 anos.

De acordo com o assistente, ao se aproximar do homem, ele se exaltou e disse: “negro não pode ter uma posição, que já quer humilhar os outros”.

Segundo a Polícia Militar, uma equipe foi acionada para ira até a unidade de saúde para atender uma ocorrência de preconceito racial.

O servidor contou aos policiais que foi solicitado para dar assistência a um paciente que estava recebendo alta. Disse ainda que, o paciente dirigiu-se agressivamente, sendo contido por uma pessoa que estava no hospital.

O assistente social e o paciente foram encaminhados para Central de Flagrantes.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *