https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/03/whatsapp-image-2020-03-28-at-13.16.08.jpeg

EM 3D

Professores usam impressora 3D e produzem protetores faciais para equipes de saúde

DIVULGAÇÃO

Professores da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) estão produzindo protetores faciais para serem utilizados por profissionais da saúde que trabalham no combate à pandemia de covid-19 no estado. Os objetos são produzidos e laboratórios com a ajuda de impressoras 3D.

O protetor deve ser usado para a proteção das máscaras comuns usadas pelos profissionais.

Todas as proteções faciais produzidas serão doadas ao Conselho Regional de Medicina do estado (CRM-MT), que fará a distribuição de acordo com a necessidade da Secretaria de Estadual de Saúde (SES-MT).

O objetivo, segundo a universidade, é proteger as equipes de saúde que trabalham em contato direto com pacientes contaminados em Mato Grosso.

Ao todo, 16 colaboradores trabalham na produção dos objetos dentro do Laboratório de Arquitetura e Urbanismo (FAB.Lab), da Faculdade de Arquitetura Engenharia e Tecnologia (Faet), e do Laboratório de Instrumentação Micrometeorológica e Sensoriamento Remoto (LIMSer), do Instituto de Física (IF).

Além dos laboratórios da UFMT, a iniciativa também conta com o apoio dos professores Armando da Silva Filho (UNEMAT) e Nadja Gomes Machado (IFMT) e do Doutorando Elio Santos Almeida Júnior (Programa de Pós-Graduação em Física Ambiental) que são membros do Grupo de Pesquisa em Interação Biosfera-Atmosfera (GPIBA) da UFMT.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 30 de março de 2020 às 11:22:26