https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/04/supermercado.jpg

ENDC

Escola Nacional alerta cuidados para evitar disseminação em supermercados

Tchélo Figueiredo - SECOM/MT

A Escola Nacional de Defesa do Consumidor (ENDC), vinculada à Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), disponibilizou orientações para evitar a disseminação do coronavírus nos supermercados.

Segundo o material, neste momento de isolamento social, é indicado que os consumidores saiam de seus lares apenas quando for estritamente necessário, como no caso de compras em supermercados.

Confira as orientações para que todos se protejam neste tipo de ambiente:

Consumidores

– Distanciamento físico: evitando aglomerações ou agrupamento de pessoas nas gôndolas e especialmente nas filas.

– Etiqueta respiratória: como cobrir a boca com o antebraço ou lenço descartável ao tossir e espirrar, evitando comunicação muito próxima, abraços, apertos de mãos e levar as mãos ao rosto.

– Aqueles que se enquadram em grupos de risco devem dar preferência aos serviços de entrega. Havendo necessidade de se deslocarem aos supermercados, indica-se que esta atividade seja realizada em horários alternativos, de menor fluxo.

– Se possível, não levar as crianças ao supermercado.

– Comprar de maneira racional, sem exagero ou estoque, para evitar o desabastecimento, e permitir que mais consumidores tenham acesso aos produtos.

Recomendam-se aos estabelecimentos:

– Limpeza e desinfecção dos objetos de uso coletivo, como banheiros, cestas, carrinhos, gôndolas, botões de emissão de tickets de estacionamento, esteira do caixa, máquinas de pagamento após a utilização.

– Mensagens sonoras informando as medidas de contágio e de prevenção.

– Disponibilização de locais para a higienização dos consumidores (por exemplo: lavatórios de fácil acesso, com sabão e papel descartável para secar as mãos).

– Indicação visual no chão próximo aos locais com fila demarcando a distância física recomendada pelas autoridades de um metro.

– Barreiras físicas nos caixas e em locais de atendimento com contato direto, protegendo a saúde dos funcionários e dos consumidores.

 

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 3 de abril de 2020 às 19:12:40