https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/04/67231060_10220791200595808_114322593376370688_o.jpg

COVID-19

Primeiro cuiabano morre em decorrência do Coronavírus em São Paulo

Face book

O cuiabano Marsel Vieira de Paula Marinho, de 37 anos, faleceu em decorrência de ter contraído o Covid-19, mais conhecido como Coronavírus, ele morava em São Paulo, e veio a óbito na noite deste domingo (12), o corpo dele foi cremado por volta das 12 horas desta terça-feira (14), em SP.

De acordo com as informações levantadas pelo Site Mato Grosso Mais, Marsel nasceu em Cuiabá e seus familiares moram na região do bairro Grande Terceiro, na capital, mas ele estava morando em São Paulo. Sua irmã e cunhada confirmaram a morte dele por Coronavírus.

Sua irmã Fernanda Vieira De Paula Lutterback autorizou a noticiabilidade do fato, para alertar a população, tanto cuiabana quanto brasileira que essa doença não é brincadeira, e para que todos tomem cuidado e se proteja deste vírus que assola a humanidade.

Marsel Vieira foi funcionário da Fundação Estadual Do Meio Ambiente (Fema), depois da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema-MT). Mudou-se para São Paulo, onde morou por alguns anos em Santos, depois se mudou para capital, era casado com Samuel Marinho.

Pandemia em Mato Grosso 

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta segunda-feira (13), 134 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados quatro óbitos. A quarta morte foi notificada na manhã de segunda pelo município de Rondonópolis.

De domingo para segunda-feira, surgiram novas confirmações nos municípios de Cuiabá (8) e Rondonópolis (3). Dos 134 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 105 estão em isolamento domiciliar, 17 estão recuperados e 8 estão hospitalizados – sendo três em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e cinco em enfermarias.

Em São Paulo

O número de mortos por coronavírus no estado de São Paulo subiu para 588 neste domingo (12). Há mais de uma semana, em 4 de abril, eram 260 mortes, segundo divulgou a Secretaria Estadual de Saúde. No sábado (11), eram 560 mortes confirmadas.

Entre as vítimas fatais, estão 339 homens e 249 mulheres. Os óbitos continuam concentrados em pacientes com 60 anos ou mais, totalizando 73,4% das mortes. As mortes foram registradas em 63 municípios do estado.

O número de casos confirmados foi de 8.419, no sábado, para 8.755 neste domingo. Já são 162 cidades com pelo menos um caso, o que representa um município em cada quatro do estado, crescimento de 63,6% em uma semana.

A maioria dos infectados, segundo levantamento da TV Globo, tem idades entre 30 e 39 anos. O estado de São Paulo tem 39% das confirmações da doença no Brasil e mais de 3 vezes o número do Rio de Janeiro, segundo local mais afetado no país.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 15 de abril de 2020 às 14:48:50
  • 14 de abril de 2020 às 19:49:29