https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/04/rotam-latrocinio.jpg

DURANTE PATRULHAMENTO

Rotam prende dupla por tentativa de latrocínio em Cuiabá

PMMT

Uma equipe da Rotam prendeu na madruga deste domingo (19.04), dois homens por tentativa de latrocínio e posse ilegal de arma de fogo, no bairro Jardim Leblon, na capital.

Com a dupla os policiais apreenderam uma pistola calibre 9 milímetro, dois rádios comunicadores, um bloqueador de sinal, dinheiro, além de duas placas de veículos.

Conforme o boletim de ocorrência, os policiais tinham conhecimento da tentativa de latrocínio ocorrido na manhã de sábado (18), no bairro Santa Helena. A vítima, um homem, foi rendida, levou um tiro no abdome e teve o veículo Onix roubado.

Em patrulhamento, os agentes viram um homem monitorado por tornozeleira eletrônica dormindo dentro de um veículo GM Onix.  Questionado, ele disse que tinha alugado o carro de uma pessoa.

Via consulta, os policiais descobriram que veículo seria de uma locadora e que a pessoa que alugou estava devendo desde janeiro deste ano.  Os militares foram até o hospital onde a vítima da tentativa de latrocínio estava internada. Ela reconheceu o homem abordado como o autor do crime.

Os policiais foram até a residência do suspeito onde encontraram a pistola usada no crime, com 12 munições intactas, o bloqueador, os rádios, as placas e chave de um veículo Toyota.

Ele ainda levou os agentes até a residência do comparsa, no bairro Jardim União. No local, o segundo suspeito confirmou a participação no crime.

Via consulta, os dois homens possuem passagens criminais por homicídio tentado, depredação, sequestro e cárcere privado, roubo, corrupção de menor e furto.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190, ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939.

Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes.

Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *