https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/05/Sem-título-15.png

TRAGÉDIA

Homem é encontrado morto só de cueca; Casal suspeito é preso

Homem é encontrado morto de cueca, com sutiã ao lado e casal é preso horas depois em MT

Um homem de 35 anos foi encontrado morto, usando apenas de cueca e uma camisa. O cadáver foi localizado em uma BR próximo a Guarantã do Norte (730 km de Cuiabá) Distância de condução No corpo do homem foi encontrado perfurações de faca.

O corpo foi identificado como Cricio Rone dos Santos, e foi encontrado próximo das 1h30 da madrugada na avenida Pioneiro José Nelson Coutinho, paralela à BR-163, em Guarantã do Norte, nesta quinta-feira (28).

Segundo informações, durante diligências, os investigadores descobriram que a vítima estava,um dia antes de sua morte, bebendo em um bar junto com um casal e que houve um desentendimento entre o suspeito e a vítima.

Em buscas pelo casal, a equipe de investigadores localizou um caminhão parado em uma oficina mecânica para conserto. No interior do veículo estava o casal que, negou o crime e afirmou que não sabia de nada.

Os dois ainda negaram estar com a vítima na noite anterior ao crime, porém baseados nas investigações apuradas e indícios existentes, a equipe deu voz de prisão aos dois.

Levados até uma unidade policial, em entrevista com o delegado Waner dos Santos Neves, a mulher do suspeito, de 26 anos,  acabou confessando que seu marido matou a vítima porque esta havia lhe cantado. O suspeito, de 48 anos, apresentou uma versão diferente para o crime, dizendo que não conhecia o homem que se sentou à mesa em que ele estava com sua esposa. Ainda segundo o suspeito, a vítima começou a desrespeitar sua esposa e por isso resolveram ir embora para seu caminhão.

O suspeito afirmou que estava preparando o jantar, quando a vítima apareceu com uma barra de ferro na mão quando, para se defender, segurou a faca e a vítima teria se chocado contra o instrumento e saído correndo. Nem o suspeito ou a esposa souberam explicaram porque a vítima foi encontrada vestida somente com a roupa íntima e nem sobre o sutiã encontrado na cena do crime.

Considerando as evidências, o delegado determinou o auto de prisão em flagrante do suspeito pelo crime de homicídio qualificado, cuja pena de reclusão é de 12 a 30 anos.

Com informações do Notícia de Mato Grosso.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 29 de maio de 2020 às 15:59:04