https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/11/7634458d9db93d5a200ab778f6d8da49.jpg

A BRIGA FICOU FEIA

EP diz que vai enquadrar MM na lei de Contravenções Penais

Reprodução

O Prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB), em um desabafo extremamente irritado com o governador Mauro Mendes (DEM), disse que vai judicializar o Chefe do Executivo Estadual em contravenções penais e até em uma possível contravenção na Segurança Nacional com supostas Fake News.

Em coletiva online na manhã desta sexta-feira (29), Emanuel respondeu a indagação da redação do Site Mato Grosso Mais e desabafou com uma explanação muito dura para cima do governador Mauro.

“Tentei evitar, tentei dialogar o tempo inteiro, mais como vocês estão propagando mentiras, como vocês estão propagando inverdades […] E para dar um basta, nisso tudo, porque as mentiras chegaram no limite da insanidade, da irresponsabilidade, da leviandade. Já autorizei a Procuradoria Geral do Município, os meus advogados, enquadra-lo na Lei de Contravenções Penais e se possível, isso está sendo estudado ainda, na Lei de Segurança Nacional, disse Emanuel.

Conforme a fala de Pinheiro, propagar mentiras pode gerar responsabilidade, especialmente quando por trás dessa mentira, está o desejo de causa pânico na população.

“Você me tirou do sério, eu to vendo que você não tem limite, o seu jogo do poder pelo poder, do empresário frio, insensível, calculista, que governa para poucos, que governa para ricos, que não tem piedade para quem está sofrendo, que não pensa no pobre no humilde, nos mais sofridos, isso é deplorável”, desabafou o chefe do executivo municipal.

Cansado de apanhar o emedebista bateu, falou que Mendes pode ter até um amor platônico por ele. “Enquanto você vai contra mim, como governador, bate no prefeito e inventa, fala esse monte de mentira, de leviandades de irresponsabilidades. Talvez seja um ódio pessoal seu, certo, um amor platônico, eu não sei o que, que é, mas esse é um problema seu. Agora quando você começa a prejudicar Cuiabá, aí você complica comigo”.

Trocando farpas desde o início da semana, Mauro criticou Emanuel e ressaltou que Pinheiro sequer “merece ser levado a sério”. A fala do governador foi referente as declarações feitas pelo prefeito, onde ele diz que quem “paga as contas da saúde de Cuiabá” é a própria prefeitura, e que o Estado tem uma “dívida” de 60 milhões com a capital, dinheiro que seria destinado para a saúde. Mauro Mendes ficou irritado com tal afirmação, e disse que Emanuel faz uma coisa e fala outra.

“O seu grau de irresponsabilidade e de mentira, chegou a tal ponto que não resta outra alternativa para mim, olha que eu tentei de todas as formas, mas depois que eu to vendo você e seus asseclas aí, se movimentarem politicamente, com um jogo ensaiado, aqui e a cola, tentando vender uma mentira, criar factoides, vendendo uma mentira para a população”, levantou Emanuel.

E não satisfeito Pinheiro mandou um ultimato para cima de Mendes. “Pelo amor de Deus Mauro Mendes, estamos numa pandemia, pessoas estão morrendo, o vírus está corroendo o interior do Estado e o senhor não faz nada. 51 mortos, isso não toca o seu coração como pai de família, você não pesa nisso. É só um jogo, joguetes, armações, eu vou te representar, você vai responder por isso”, finalizou o emedebista.

Veja o vídeo 

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 1 de junho de 2020 às 12:50:39
  • 29 de maio de 2020 às 20:05:04