https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/01/cb5e85549af7084ac5aea6fa0c5024f0.jpg

NOTA À IMPRENSA

Emanuel Pinheiro recusa convite de reunião do governador Mauro mendes

DA REDAÇÃO / LEONARDO MAURO
[email protected]

Gilberto Leite

Em nota à imprensa o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), recusou o convite de uma reunião frita pelo governador Mauro Mendes (DEM), nesta sexta-feira (12).

O convite foi realizado para Pinheiro, e o secretário municipal de Saúde, Luiz Antônio Pôssas de Carvalho, para uma reunião no Palácio Paiaguás, na manhã desta segunda-feira (15.06).

O convite para a reunião foi feito ao deputado federal Emanuelzinho Pinheiro, filho do prefeito da Capital. O objetivo da reunião é discutir assuntos técnicos relacionados à saúde pública de Cuiabá e o combate ao coronavírus.

O encontro está marcado às 7h30, desta segunda-feira, quando o governador Mauro Mendes deixa a quarentena, após 14 dias em isolamento social, por ter contraído a Covid-19.

Nota à imprensa

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, determinou que a equipe técnica da Saúde, Comitê Municipal de Enfrentamento ao novo Coronavirus, o secretário municipal de saúde, Luiz Antonio Pôssas, participem de reunião com o Governo do Estado na próxima segunda-feira, 15.
Pinheiro reforça que não irá medir esforços por Cuiabá, pela pessoas, mas não estará presente ao encontro. “Jamais deixarei de honrar meu compromisso com minha gente, mas entendo que eu não poderei me reunir com um gestor que me atacou gratuitamente, que me rotulou de “malandro de carteirinha”. Eu reforço meu esforço e dedicação para preservar a vida e a saúde das pessoas e todas as diretivas desse encontro serão seguidas. Sempre colocamos que o nosso enfrentamento sempre foi à COVID19”.

Veja Mais

Um comentário em “Emanuel Pinheiro recusa convite de reunião do governador Mauro mendes”

  1. Joaquim disse:

    A pouco assistia na tv apresentador dizendo que as pessoas estão minimizando o problema, se aglomerando e agindo irresponsavelmente. Mas como querem que o povo aja com responsabilidade se os dirigentes só agem irresponsavelmente. Basta olhar essa briguinha desses 2. Na verdade, povo está perdendo o mêdo desse covid.19 ao ver que os amigos do bolsonaro pegaram e não morreram ninguém e o Bolsonaro, todo dia, menosprezando o problema. Nosso governador diz que está contaminado e não sente nada. O povo, que é acostumado
    a pular em esgoto, passa a pensar o seguinte: se esses peles finas não morrem, muito menos eu, um casca grossa, que vou morrer. Só hora que morrer o prefeito e o governador que povo vai começar a se preocupar. E tem lógica. Agora, precisa avisar ao povo que os peles finas tem UTI de luxo garantida pra eles sempre, já povo, não.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *