https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/06/7d3da18027544a752fa5dc0f80544cd2.jpg

MAIS DE R$ 18 MI

Polícia prende superintendente da Saúde por desvio milionário

Bruno Pellegrine-TV Vanguarda

A Polícia Civil do Rio de Janeiro e o Ministério Público do estado realizam, na manhã desta quarta-feira (17/06), mais uma etapa da Operação Mercadores do Caos para apurar desvio de R$ 18 milhões que seriam destinados à compra de respiradores pulmonares para tratar pacientes com Covid-19.

O superintendente de Orçamento e Finanças da Secretaria de Saúde do Rio, Carlos Frederico Verçosa Duboc, foi preso nesta manhã. Ele estava em casa, em Niterói.

A polícia cumpre outro mandado de prisão e nove de busca e apreensão tanto no Rio como em Brasília. As ordens judiciais foram expedidas pelo Juízo da 1ª Vara Criminal Especializada da Capital.

A Operação Mercadores do Caos teve início de maio para combater um grupo criminoso que desviou mais de R$ 18 milhões do estado. A compra dos equipamentos foi feita sem licitação e, após mais de dois meses da data de entrega, nenhum respirador foi entregue.

Na primeira fase da operação, em 7 de maio, a polícia prendeu o ex-subsecretário de Saúde do Rio, Gabriell Neves. Ele foi exonerado pelo governador do estado, Wilson Witzel, por suspeitas de irregularidades na pasta.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *