https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/03/eduardo-botelho.jpg

VEJA O VÍDEO

Botelho antecipa sessão e protocola afastamento para cuidar da saúde

Divulgação

O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), deputado Eduardo Botelho (DEM), protocolou o pedido de licença, por 120 dias, junto a Mesa Diretora para dar continuidade ao tratamento da Covid-19. Botelho disse que irá para São Paulo para tratamento dos pulmões, pôs não estava se sentindo muito bem nos últimos dias.

“Eu não venho me sentido bem depois que eu tive esse problema do Covid, eu vinha tendo muita crise de tosse, final de semana eu tive uma febre no sábado, febre no domingo. Estou tendo essas crises, quando vem aquela crise de dor de cabeça, então eu preciso tratar isso, preciso ficar especificamente tratando disso”, explicou botelho.

O pedido de afastamento era para ser feito na próxima sessão de quarta-feira (19), mas como o presidente precisava cuidar de sua saúde urgentemente antecipou a sessão para essa terça-feira (18) e protocolou o pedido.

Segundo a assessoria de imprensa da Presidência, o parlamentar não teve tempo de se recuperar totalmente da doença, já que, assim que deixou o hospital, já se dedicou às reuniões impostas pelo cargo.

Embora a licença seja de 120 dias, o presidente pode retornar ao cargo antes, caso se sinta bem para isso.  O objetivo é se desligar das funções temporariamente para que o corpo possa se recuperar de forma satisfatória.

Sua sucessora imediata é a 1ª vice-presidente, deputada estadual Janaína Riva (MDB). Contudo, a emedebista entrou de licença-maternidade recentemente e também está afastada.

Em seu lugar assumirá o 2º vice-presidente da Mesa Diretora, deputado estadual João Batista do Sindspen (PROS).

Veja o vídeo 

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 18 de agosto de 2020 às 20:42:08