https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/09/Dr-Leonardo-Plenario-Camara-1.jpg

OPERAÇÃO GLO

Dr. Leonardo solicita ao Bolsonaro envio de Forças Armadas para combater incêndios em Mato Grosso

Divulgação

O deputado federal Dr. Leonardo (Solidariedade-MT) solicita ao presidente Jair Bolsonaro o uso urgente das Forças Armadas no combate aos incêndios florestais que estão destruindo o Pantanal e a Chapada dos Guimarães. O pedido, feito nesta terça-feira (08), é para que a Operação de Garantia da Lei e da Ordem (GLO), já em curso na Amazônia, também seja aplicada em Mato Grosso.

“Até o dia primeiro de agosto as queimadas já haviam consumido cerca de 1,7 milhão de hectares de Mato Grosso, principalmente do Pantanal e do Cerrado. Poconé e Chapada dos Guimarães estão em chamas. A fumaça está piorando as doenças respiratórios e estamos no meio da pandemia. A situaçãé desesperadora e por isso precisamos da ajuda das Forças Armadas, afirmou o deputado federal.

O parlamentar lembra que o Pantanal de Mato Grosso apresentou 530% a mais de focos de incêndio no primeiro semestre de 2020 e choveu 50%, se comparado com o mesmo período de 2019, conforme dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). Dessa forma, surgiu uma situação favorável a essas queimadas de proporções recordes. A associação de todos estes fatores gerou essa situação terrível de queimadas devastadoras e somente com uma presença forte do Governo Federal, com mais aviões e  pessoal, podemos minimizar os danos“, afirmou Dr. Leonardo.

O ofício encaminhado à Presidência da República salienta ainda que a fumaça dos incêndios florestais pode agravar os casos de doenças respiratórias e saturar ainda mais o sistema de saúde já sobrecarregado com a pandemia do novo coronavírus. “Já perdemos muito da fauna e, para piorar, a fumaça está prejudicando a saúde, aumentando as doenças respiratórias, justamente no meio de uma pandemia de Covid-19, que ataca justamente o pulmão das pessoas”, completa o parlamentar. 

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 8 de setembro de 2020 às 20:32:26
  • 8 de setembro de 2020 às 20:31:14