https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2018/12/cf62d15f3b69285dfec17cab46ba37bd-e1545487605492.jpg

OPERAÇÃO POLÍCIAL

“Parece que tem delegado da PJC vazando informações para prefeito”, sugere Abilio 

João Vieira

O vereador Abilio Junior (Podemos) levantou a hipótese de que o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) possa estar recebendo informações prévias sobre operações da Polícia Civil. “Parece que tem alguém da Polícia Civil vazando informação para o prefeito de Cuiabá. Como é que ele sabe das ações da polícia, antes da própria Polícia Civil iniciar suas ações”, indagou Abilio, diante de alguns pronunciamentos feitos por Emanuel nos últimos dias.

Segundo Abilio, causam estranheza as declarações feitas pelo prefeito. “Ele começa falar de medo, de ser vítima de operação da polícia. Daqui a pouco a gente vai identificar se tem algum delegado da Polícia Civil que está vazando informações para o prefeito de Cuiabá, para que ele possa fazer alegações de que a Polícia Civil esteja lhe perseguindo. Quem está vazando essas informações?”, questionou Abilio, enfatizando sobre a importância de o órgão policial deter autonomia para investigar, sem interferência política.

Abilio lembrou ainda do histórico de delações realizadas no decorrer de ações investigativas que apontam o prefeito como participante em esquemas de pagamento de propina e apresentação de documentos falsos, dentre outras.

“Pela terceira vez por esquema de corrupção. Desta vez, o ex-presidente da Assembleia Legislativa, José Riva, delata Emanuel por receber propina, pro-pi-na. R$ 2,4 milhões em pro-pi-na. Já disse Silval, já disse Silvio, de que o dinheiro do paletó era pro-pi-na. Emanuel Pinheiro, ao invés de explicar, começa com uma série de desculpas, de que ele era a pessoa errada, na hora errada; de que a verdade vai aparecer”, como se explicar, enfatizou Abilio, lembrando casos de operações policiais em que o prefeito é citado ou investigado: esmeraldas falsas, vídeo do paletó e agora, delação do José Riva.

Os questionamentos foram feitos por Abilio durante a sessão on-line da Câmara de Cuiabá, nesta quinta (24.09).

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *