https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/10/raio-em-itapema.jpg

SANTA CATARINA

Vídeo mostra momento em que raio atinge e mata homem em Itapema

Imagens de uma câmera de monitoramento de um estabelecimento na praia de Itapema, no Litoral Norte, mostram o exato momento em que um raio atinge o corretor de imóveis Fabrício Corrêa Gasparetto, 47 anos.

Gasparetto corria na praia com um amigo quando o caso aconteceu, por volta das 19h, no bairro Meia Praia, próximo à Rua 231, na sexta-feira (2).

A autenticidade do vídeo foi confirmada à NSC TV pela prefeitura da cidade, que analisou o local que aparece nas imagens. Gasparetto corria na praia à noite com um amigo quando foi atingido.

corretor teve uma parada cardiorrespiratória, foi levado para o Hospital Santo Antônio, mas não resistiu.

A vítima foi velada e cremada no sábado (3). A morte causou enorme comoção na cidade. Nas redes sociais, amigos lamentaram a perda. Ele deixou esposa e três filhos.

Amigo passa bem

Segundo os bombeiros, não é possível precisar se o amigo que acompanhava Gasparetto foi atingido direta ou indiretamente, mas ele estava desorientado.

Também de acordo com a corporação, o amigo, que não teve a identidade divulgada, foi atendido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e passa bem.

Raios no fim do dia

Após um dia de calor recorde, Santa Catarina teve registros de temporais no fim do dia de sexta (2), e a região de Itapema foi atingida por uma grande quantidade de raios.

O Corpo de Bombeiros recomenda que as pessoas evitem permanecer em praias quando o local começar a registrar descargas elétricas.

Veja Mais

Um comentário em “Vídeo mostra momento em que raio atinge e mata homem em Itapema”

  1. Alex Muzzi disse:

    Mais uma tragédia fatal decorrente da queda de raios que poderia ter sido evitada pela adoção de sistemas locais de detecção e alerta de descargas atmosféricas descritos na norma ABNT NBR 16785. Os sistemas de detecção de raios com monitoramento do campo elétrico nuvem-solo conseguem identificar a formação de tempestades elétricas desde suas fases iniciais e permitem a adoção de medidas antecipadas de prevenção de acidentes seja pela evacuação de pessoas ou interrupção de atividades em áreas abertas mesmo antes da queda do 1o. raio.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 6 de outubro de 2020 às 13:05:25