https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/10/WhatsApp-Image-2020-10-15-at-08.22.24.jpeg

ODONTOLOGIA

‘Encontrei Cuiabá com 10 equipes de saúde bucal e ampliamos para 43’, diz Emanuel

Candidato à reeleição e prefeito por Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), lembra que quando assumiu o comando do Palácio Alencastro encontrou apenas 10 equipes de saúde bucal atuando na atenção básica para atender toda a capital.

Ao longo do mandato, o prefeito conseguiu implantar mais 33 equipes, totalizando 43. Até o final da gestão, Emanuel pretende atingir a meta de 50 equipes de dentistas e técnicos ou auxiliares de saúde bucal, para atender aqueles que não conseguem pagar um tratamento odontológico particular.

“Tratamento precoce para aqueles que não tinham condições de pagar um dentista, hoje é realidade. A saúde começa pela boca e aqueles mais carentes podem ter acesso a um dentista perto de casa. Isso é humanizar, dar acesso a um tratamento dentário aos mais carentes”, comentou o prefeito.

Os consultórios  odontológicos estão instalados em  Unidade de Saúde da Família (USF) de diversos pontos de Cuiabá.

Quando assumiu a gestão, em 2017, havia somente 10 equipes de saúde bucal, nos bairros: Santa Izabel, Novo Paraíso, Centro América, Pedra 90 (5 e 6), CPA 1 e nas comunidades rurais de Nossa Senhora da Guia e Aguaçu.

Com a atual gestão, as unidades de saúde da família que receberam novas equipes foram nos bairros:   CPA 1, Renascer, Sucuri, Altos da Serra 1 e 2, Jardim União, Jardim Florianópolis, Despraiado 1 e 2, Pedra 90 (1 e 2), Novo Terceiro 1 e 2, Jockey Clube 1 e 2, Santa Terezinha 1 e 2, Residencial Ilza Picolli, Parque Ohara, CPA 3, Novo Colorado e Jardim Independência. As comunidades rurais também passaram a contar com equipes de saúde bucal:  Rio dos Peixes e também através do Projeto Amor – Assistência Médica e Odontológica Rural.

Até o final da gestão, está prevista a ampliação do serviço para os bairros Doutor Fábio, Jardim Imperial, Parque Atalaia e Parque Cuiabá.

As equipes são responsáveis por realizarem procedimentos básicos, como restaurações, extração de dente, biópsia, projetos educativos de prevenção e promoção da saúde bucal, inclusive com visitas e palestras nas creches e escolas municipais das comunidades.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 15 de outubro de 2020 às 19:25:02
  • 15 de outubro de 2020 às 12:29:25