https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/11/WhatsApp-Image-2020-11-05-at-11.46.08.jpeg

SENADO FEDERAL

Pesquisa CNN que aponta Fávaro na liderança é a única válida em MT

Da assessoria

A Justiça Eleitoral impugnou pesquisa divulgada nesta terça-feira (10) para a eleição do Senado em Mato Grosso, realizada pela Percent Pesquisa de Mercado. Com isso, a única pesquisa estadual que permanece válida é a da CNN/Real Time Big Data, que aponta a liderança do senador e candidato à reeleição Carlos Fávaro (PSD), com 16% das intenções de voto no cenário estimulado.

A decisão do juiz auxiliar Edson Dias Reis, membro do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) é des foi baseada em diversas irregularidades encontradas na epesquisa, registrada no TRE sob o número MT-03440/2018, e também na empresa responsável pela execução.

Matéria divulgada pelo site Olhar Jurídico aponta que, além de inconsistências no questionário, existem graves irregularidades na empresa realizadora da pesquisa eleitoral. De acordo com o site, “a primeira delas diz respeito à representação, que, nos bancos de dados da Receita Federal ainda possui, em seu quadro societário, Judith Bernadete Nunes Rosa, sócia administradora, com 99% de participação na empresa Percent Pesquisa de Mercado.

Judith faleceu em 2019. Quem assina a procuração em nome da representada é Ronye Steffan Rosa Indio, Filho de Judith. Segundo o MP, as relações societárias dependem de alguma formalidade além da transmissão automática da propriedade pela sucessão.

Judith, falecida sócia majoritária da empresa, foi gerente de recursos humanos da Vetor Assessoria e Pesquisa de Mercado e de Opinião Pública Ltda, a qual já se viu envolvida em processos de Caixa 2.

Atualmente o quadro societário da Percent é composto por dois irmãos da falecida Judith e, aparentemente, por Ronye, seu filho, policial militar que já foi candidato a vereador em 2016. Todos apresentam o mesmo endereço, que é o endereço da representada e onde, segundo imagens obtidas na internet, não existe nenhum escritório ou outro estabelecimento comercial.

Ainda segundo o Ministério Público, o estatístico da pesquisa é Claudio Rui dos Santos e Silva. Ocorre que, conforme dados da Receita Federal do Brasil, Claudio possui residência na cidade de Sorocaba (SP) e Belém (PA). O profissional não apresenta vínculo empregatício com a empresa.”

A pesquisa CNN, que aponta Fávaro na liderança, mostra Nilson Leitão (PSDB) em segundo, com 13% das intenções de voto, e Pedro Taques (Solidariedade) em terceiro, com 12%. Em seguida aparece o Procurador Mauro (PSOL), com 8%, José Medeiros (Podemos) e Coronel Fernanda (Patriota), com 7% cada, Sargento Eliseu (DC), com 5%, Valdir Barranco (PT), com 4%, Euclides Ribeiro (Avante), com 2% e Reinaldo Morais (PSC), com 1%. Registrada no TRE sob o número MT-04175/2018, a pesquisa tem margem de erro de 3 pontos percentuais.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 10 de novembro de 2020 às 19:12:55
  • 10 de novembro de 2020 às 19:12:39