https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/11/WhatsApp-Image-2020-11-16-at-11.22.57.jpeg

ELEIÇÃO NÃO ACABOU

Emanuel sobre 2º turno; “Cuiabá não precisa de um salvador da pátria”

Felipe Lima/Assessoria

O atual prefeito e candidato a reeleição, Emanuel Pinheiro (MDB), se pronunciou nesta manhã de segunda-feira (15), após o resultado da apuração das urnas eleitorais que o colocaram em segundo lugar, e o encaminhou para o segundo turno na Capital. O chefe do Executivo Municipal disse que Cuiabá não precisa de um salvador da pátria, mais sim de um servidor dedicado como ele.

“Cuiabá não precisa de um salvador da pátria, Cuiabá precisa de um servidor que se dedica dia e noite pela cidade, 24 horas por dia, sete dias por semana, como sempre fizemos, com as melhores propostas e com uma gestão de resultados de entregas que melhoraram, que beneficiam as pessoas”, disse Emanuel.

Pinheiro levantou que a sua gestão melhorou a vida das pessoas, especialmente dos mais carentes, dos menos favorecidos, e transformou Cuiabá em uma cidade mais vibrante, mais moderna, mais justa, mais inclusiva e muito melhor para se viver.

O que Emanuel não podia deixar de comentar é qual a projeção que ele faz para o futuro, e se ele já começou a buscar aliança para o segundo turno. O emedebista obteve 82.367 votos, chegando a totalizar 30.65%. “Ganhar as eleições, vencer as eleições com a verdade, com as melhores propostas, mostrando os avanços, as entregas da nossa gestão”.

Para o segundo turno o gestor quer mostrar que, “Cuiabá não pode parar, que Cuiabá não pode cair no retrocesso, não pode cair na aventura, que não pode arriscar que o destino de uma Capital do Estado formado por 700 mil cuiabanos, não pode ser entregue nas mãos de aventureiros, de inexperientes, imaturos”, criticou se referindo ao seu oponente, Abílio Júnior (Podemos).

“Que nunca plantaram uma árvore sequer na nossa Capital e que hoje, aparece com um discurso de salvadores da pátria”, disparou o prefeito.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 16 de novembro de 2020 às 18:00:57