https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2021/02/download-4-1.jpg

DESPREPARO TOTAL

Comitê de Crises veta “o volta às aulas” em Rondonópolis

O desencontro de informações está se tornando rotina na prefeitura de Rondonópolis (210 Km de Cuiabá). A grande questão é que essa falta de entrosamento entre as pastas e quem de fato toma as decisões, pode gerar além do desgaste do próprio poder público, contratempos para comunidade. É o que acontece neste momento em relação ao polêmico tema ” volta às aulas”.

Na última sexta-feira a  Semed (Secretaria Municipal de Educação) informou que na segunda-feira (15), às 8 horas da manhã aconteceria a solenidade de abertura do ano letivo de 2021 na rede municipal de ensino. Porém, já no dia seguinte, a prefeitura voltou atrás e fez novo comunicado. Desta vez, afirmando que  as aulas não terão inicio nesta segunda.

Isso porque no sábado (13), o Comitê de Gestão de Crise aprovou somente o retorno das aulas na rede particular para crianças menores de 12 anos. Um novo decreto será publicado na segunda-feira autorizando o retorno imediato das aulas presenciais das escolas particulares da cidade.

Já em relação a rede municipal, o município vai ter que apresentar um Plano de Contingenciamento,  criando as condições ideais para o retorno das aulas presenciais. Somente depois, e aprovado pelo Comitê, o ano letivo deve ter inicio. A Secretaria de Educação tem até 15 dias para apresentar o Plano de Contingenciamento.

Quanto o retorno das aulas na rede particular, a  decisão do Comitê foi tomada com base em um parecer técnico da Vigilância Sanitária Ambiental e realizado para avaliar os planos de contingenciamento encaminhados pelas escolas privadas/particulares e filantrópicas mostrando que os alunos terão segurança sanitária nas escolas para o retorno das aulas.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 15 de fevereiro de 2021 às 13:48:12