https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2021/06/8abf60b89f6507928228d86e2ea14d2c.jpg

POLÊMICA

Cattani alfineta presidente da OAB: ‘Sou casado há 30 anos e nunca a agredi’

DA REDAÇÃO / MATO GROSSO MAIS
[email protected]

Gilberto Leite | Estadão Mato Grosso

Após polêmica e frente às acusações de homofobia, o deputado estadual Gilberto Cattani (PSL), aproveitou a sessão ordinária da tribuna realizada nesta terça-feira (1º) para se defender. O parlamentar supostamente teria dado uma indireta ao presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MT), Leonardo Campos acusado de agredir a esposa.

Leonardo, juntamente com o presidente da Comissão da Diversidade Sexual da entidade,  Nelson Freitas Neto, assinam o pedido para que a Comissão de Ética da Assembleia Legislativa instaure uma investigação contra Cattani.

Muitas vezes as pessoas nos acusam por aquilo que são. A mulher, principalmente a sua esposa, nunca pode ser agredida. Muitas vezes as pessoas que nos acusam fazem coisas que ficamos estarrecidos. Sou casado há 30 anos com a mesma mulher e nunca a agredi, nem fui preso por agressão. Então, defendo que todo ser humano é igual e deve estar livre da violência”, falou o deputado.

Para defender seu discurso, Cattani fez questão de citar a ciência alegando que o ser humano nasce com cromossomos que o definem se é macho ou fêmea. O deputado ainda acrescentou, dizendo que respeita os homossexuais e vai os defender como seres humanos que devem cumprir os mesmos direitos e deveres de uma pessoa que não é homossexual.

O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso Max Russi (PSB) disse que já recebeu o pedido para que a Comissão de Ética da Casa investigue o comportamento de Cattani, diferentemente da situação de Dilmar Dal’Bosco que é denunciado pelo Ministério Público.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 2 de junho de 2021 às 11:19:35
  • 1 de junho de 2021 às 20:15:45