https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2021/09/3578.jpeg

MENOS ÁGUA MAIS FOGO

Prefeita de Jaciara Andréia Wagner decreta situação de emergência devido a seca

DA REDAÇÃO / MATO GROSSO MAIS
[email protected]

ASCOM

A prefeita de Jaciara, Andréia Wagner (PSB), assinou e publicou decretos, nesta quinta-feira (02), declarando situação de emergência na cidade, devido a seca e incêndios florestais com reflexos na qualidade do ar que tem comprometido a saúde da população, principalmente de crianças, gestantes e idosos que são os grupos mais afetados nesse período crítico.

A preocupação da gestora, se estende às comunidades rurais, diretamente atingidas pelo fogo. A maioria delas, com seu plantio  e criação de animais ameaçados e até consumidos pelas chamas.

No decreto, a chefe do Executivo destaca a dificuldade de combate a este focos de incêndios, por variados motivos, entre eles a seca extrema, como apontado recentemente pela Defesa Civil de Mato Grosso.

“O Corpo de Bombeiros aqui de Jaciara tem nos ajudado muito, mas, como o fogo se alastrou consideravelmente, fica complicado controlar ou combater, o que é possível ser feito, estão fazendo. Além disso, nossa preocupação é com o agravamento de doenças respiratórias, o prejuízo no campo e os prejuízos público e privado”, observou Andréia Wagner.

Sem Chuvas– No decreto, Andréia Wagner destaca o baixo volume de chuvas, isso porque há pelo menos 120 dias não é registrado chuvas de volume consideráveis. Situação registrada pelo programa nacional de monitoramento de secas.

Alerta– Recentemente, uma equipe da Coordenação de Operações da Defesa Civil de Mato Grosso, esteve em Jaciara para tratar do assunto. De acordo com o assistente técnico, Benedito, Gomes, o monitoramento de seca é realizado via satélite. Com base nisso, foi possível detectar um grau crítico dos focos de incêndio.

Os incêndios florestais, conforme o órgão, já consumiram mais de 30 mil hectares de área do município. Só no Distrito de Celma, o fogo causou estragos em 5 mil hectares de terras. Outro levantamento apurado pela Defesa Civil, mostra o comprometimento dos lençóis freáticos da cidade, devido a falta de chuvas.

“Nós orientamos o municípios  sobre os procedimentos as serem feitos devido a gravidade. Um deles, os decretos que são fundamentais para que a cidade consigo recursos para auxiliar as famílias afetadas pela seca e queimadas, principalmente àqueles que moram na zona rural. Nós estamos acompanhando tudo isso, e iremos auxiliar Jaciara no que for necessário”, salientou Benedito.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *