https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2022/04/Presidente-e-Galvan.jpg

ELEIÇÕES 2022

PTB confirma Galvan ao Senado e pede neutralidade de Bolsonaro

Da assessoria

O presidente Jair Bolsonaro deve ficar neutro na disputa ao Senado em Mato Grosso, mesmo que o PL, seu partido, tenha candidato próprio ao cargo. A neutralidade de Bolsonaro foi solicitada pela direção nacional do PTB, um dos partidos mais leais ao presidente no Congresso Nacional.

“Eu acredito que o presidente se manterá neutro em Mato Grosso como o PTB e PP solicitaram. São três partidos da base aliada do presidente que vão lançar candidato ao Senado, inclusive o partido que ele é filiado. Por isso, ele não deve se envolver. São siglas importantes que dão sustentação ao governo no Congresso”, disse em entrevista à TV Gazeta, nesta sexta-feira (22), o presidente da Aprosoja Brasil e pré-candidato ao Senado pelo PTB, Antonio Galvan.

A articulação para manter o presidente neutro na disputa em Mato Grosso vem sendo feita pela direção nacional do PTB diretamente com Bolsonaro e o ministro chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira.

Galvan, que é um dos principais líderes do Movimento Verde Amarelo, é o pré-candidato ao Senado mais alinhado com as pautas conservadores defendidas pelo presidente Bolsonaro. Além disso, o produtor rural foi um dos organizadores da mega manifestação de 7 de setembro de 2021. “O presidente reconhece o apoio do setor produtivo brasileiro ao governo. Saímos às ruas para defender o Governo Federal, a democracia e combater os abusos que vêm sendo cometidos por outros Poderes”, frisa o produtor rural.

Dirigente de uma das principais entidades de classe do setor produtivo brasileiro, Galvan afirma que não entra na disputa pelo Senado como representante do agronegócio. “Sou pré-candidato para representar a população mato-grossense e brasileira como um todo. Conheço o nosso estado como poucos e sei da necessidade de cada região. Por isso, me apresentei para ser candidato nesta eleição e se eleito vou representar, com coragem, o nosso estado melhor do que muitos que estão no exercício do mandato”.

Com relação ao governo, Galvan revela que o PTB vem conversando com outros partidos da base aliada do presidente uma candidatura alinhada com o campo conservador. Entre os possíveis pré-candidatos ao Palácio Paiaguás estão o ex-deputado federal Victório Galli, presidente estadual do PTB, e o empresário Flavio da Frical (PROS).

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 25 de abril de 2022 às 18:03:00