https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2016/08/imagem-229.jpg

LEI APROVADA

Hospitais de MT terão dois anos para trocar aparelho de pressão que tenha mercúrio

O governador Pedro Taques (PSDB) sancionou a Lei nº 10.420 aprovada na Assembleia Legislativa, de autoria do deputado estadual Romoaldo Júnior (PMDB), que proíbe a aquisição e utilização de aparelhos de pressão, termômetros e outros equipamentos de medição que contenham mercúrio.

Os instrumentos de medição com mercúrio, retirados de uso, deverão ser destinados à reciclagem em empresa ou aterros públicos ou privados, legalmente constituídos, licenciados por órgão competente e inscritos no Cadastro Técnico Federal do IBAMA, ficando proibido o repasse para outros estabelecimentos ou para qualquer uso.

Os estabelecimentos hospitalares que ainda possuam aparelhos com mercúrio em uso terão o prazo de 02 (dois) anos, contados da publicação desta Lei, para sua substituição.

A publicação foi feita no Diário Oficial do Estado desta terça-feira (2).

LEI Nº            10.420,            DE   02   DE           AGOSTO               DE 2016.

Autor: Deputado Romoaldo Júnior

Dispõe sobre a proibição de aquisição e utilização de esfigmomanômetros (aparelhos de pressão), termômetros e outros instrumentos de medição que contenham mercúrio, e dá outras providências.

A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE MATO GROSSO, tendo em vista o que dispõe o art. 42 da Constituição Estadual, aprova e o Governador do Estado sanciona a seguinte Lei:

Art. 1º  Ficam proibidas no Estado a aquisição e a utilização de esfigmomanômetros (aparelhos de pressão), termômetros e outros instrumentos de medição que contenham mercúrio.

Art. 2º  Os instrumentos de medição com mercúrio, retirados de uso, deverão ser destinados à reciclagem em empresa ou aterros públicos ou privados, legalmente constituídos, licenciados por órgão competente e inscritos no Cadastro Técnico Federal do IBAMA, ficando proibido o repasse para outros estabelecimentos ou para qualquer uso.

Art. 3º  Os estabelecimentos hospitalares que ainda possuam aparelhos com mercúrio em uso terão o prazo de 02 (dois) anos, contados da publicação desta Lei, para sua substituição.

Art. 4º  Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.

Palácio Paiaguás, em Cuiabá,  02  de   agosto   de 2016, 195º da Independência e 128º da República.

 

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *