https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/10/brasileirao8.jpg

SÉRIE A

Veja os times mais impactados pelo VAR no Brasileiro

ROBERTO MALESON E VALMIR STORTI / GE
redacao@matogrossomais.com.br

Reprodução

Alvo de polêmicas recentes, o VAR foi um dos protagonistas da 22ª rodada. Foram incríveis seis gols anulados: dois do Corinthians, um do Vasco, um do Palmeiras, um do Fortaleza e um do Cruzeiro. A controvérsia foi tamanha que o Cruz-Maltino protestou contra a arbitragem, o Verdão foi à CBF pedir explicações, e o Colorado também pediu acesso aos áudios do VAR na derrota para o Flamengo na 21ª rodada.

Apesar de estarmos no returno, o que se percebe é que, com o decorrer do Campeonato Brasileiro, as reclamações pelas decisões com a tecnologia não diminuíram. Para PC Oliveira, comentarista de arbitragem do Grupo Globo, as reclamações têm razão em certa parte, mas discorda de favorecimento a alguma equipe específica.

– No geral, o desempenho dos árbitros no campo é ruim, ocasionando um número muito grande de revisões e mudanças de decisão. O VAR, que era para ser exceção, até agora é protagonista. Eu só discordo da teoria da conspiração que existe um direcionamento para favorecer determinadas equipes. Dirigentes, treinadores e jogadores que se manifestam dessa maneira irresponsável, criam um clima de desconfiança e desvalorizam o produto “futebol brasileiro”.

Paulo César de Oliveira discorda de favorecimento a algum clube no Brasileirão — Foto: Iris Correia
Paulo César de Oliveira discorda de favorecimento a algum clube no Brasileirão — Foto: Iris Correia

No total, o árbitro de vídeo mudou a decisão de campo em 111 oportunidades nestas 22 primeiras rodadas. Uma média de cinco mudanças por rodada. Com 10 mudanças de decisão, o Fluminense é o time mais impactado pelo VAR até o momento, seja com decisões favoráveis ou não. Com a ajuda do recurso, a arbitragem marcou três pênaltis contra o Flu, deu três vermelhos e um amarelo, além de anular dois gols e confirmar um.

Não valeu! Gol do Fluminense é anulado após consulta do VAR, aos 25 do 2º tempo
Não valeu! Gol do Fluminense é anulado após consulta do VAR, aos 25 do 2º tempo

O Internacional aparece em segundo com nove mudanças de decisão pelo VAR: quatro gols anulados, um gol confirmado, um pênalti marcado contra, um pênalti a favor cancelado, além de um vermelho e um amarelo mostrado. Goiás, Palmeiras e Vasco fecham o Top-5, com oito mudanças para cada.

Times mais impactados pelo VAR no Brasileirão

Equipe Mudanças de VAR
Fluminense 10
Internacional 9
Goiás 8
Palmeiras 8
Vasco 8
Ceará 7
Corinthians 7
Flamengo 7
Athletico-PR 6
Atlético-MG 6
Avaí 5
São Paulo 5
Chapecoense 4
Fortaleza 4
Bahia 3
Botafogo 3
Cruzeiro 3
CSA 3
Santos 3
Grêmio 2

OBS: a lista abaixo mostra apenas os gols anulados pelo VAR, com mudança da decisão inicial do juiz de campo.

Times com mais gols anulados pelo VAR

Time Gol anulado
Ceará 4
Internacional 4
Vasco 4
Corinthians 3
Botafogo 2
Fluminense 2
Palmeiras 2

Enquanto o ranking acima impede uma comemoração de gol, o próximo ranking alivia o torcedor. Isso porque, graças ao VAR, um gol anulado equivocadamente é corrigido pela equipe de vídeo. Ou seja, um gol anulado por impedimento pode ser validado após checagem do árbitro de vídeo. Neste quesito, o Goiás é o time que mais comemorou com gols confirmados pelo VAR: três vezes.

Times com mais gols confirmados pelo VAR

Clube Gol confirmado
Goiás 3
Flamengo 2
Grêmio 2
Palmeiras 2
Vasco 2
Outra marcação importante nas partidas são os pênaltis. Athletico-PR e Flamengo são os dois times mais impactados pelo VAR, com quatro pênaltis marcados contra cada um. Por exemplo, na 14ª rodada, o árbitro Bráulio da Silva Machado revisou uma falta de Pablo Marí em David Braz dentro da área e apontou para a marca da cal após voltar da revisão no vídeo.

Pênaltis cometidos assinalados pelo VAR

Time Pênaltis marcados contra
Athletico-PR 4
Flamengo 4
Atlético-MG 3
Chapecoense 3
Fluminense 3
Palmeiras 3
*A equipe do Espião Estatístico é formada por: Guilherme Maniaudet, Guilherme Marçal, Leandro Silva, Roberto Maleson, Roberto Teixeira, Valmir Storti e Vitória Azevedo

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 2 de outubro de 2019 às 17:49:25