https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/10/WhatsApp-Image-2019-10-04-at-12.19.14-1.jpeg

ELEIÇÕES SUPLEMENTARES

Se Selma for cassada, presidente da AMM diz que é candidato ao Senado

Malu Sousa

O presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), Neurilan Fraga (PSD), admitiu que pode ser candidato ao Senado Federal em uma eventual disputa, caso a senadora Selma Arruda (Podemos), tenha seu mandato cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Fraga também é ex-prefeito do município de Nortelândia (229 km de Cuiabá)e, revelou durante entrevista ao Mato Grosso Mais, que existe um movimento bastante fortificado  de prefeitos espalhados pelo Estado que o apoiam numa possível corrida por uma vaga no Senado.

“Tem um movimento muito grande de prefeitos para uma candidatura a senador na eventual eleição suplementar. É um movimento muito mais forte que a candidatura para a prefeitura de Nortelândia”, disse.

O fato de Neurilan ser do mesmo partido de Carlos Fávaro, candidato ao senado em 2018, não preocupa o presidente da AMM. De acordo com ele , Fávaro tem total preferência para a disputa.

“O Carlos Fávaro, ex-vice-governador e presidente do partido, já foi candidato e muito bem votado e terá todo o direito de ser o candidato do partido. Mas isso é uma questão para ser discutida lá na frente, se vai ter vaga, o que é possível ou se os prefeitos estão com toda essa vontade. Ou se o cara lá de cima disser, é esse o caminho, será isso que eu vou seguir”, explicou.

O ex-chefe do executivo municipal de Nortelândia também comentou sobre as divergências existentes dentro do partido do governador Mauro Mendes, o Democratas.

De acordo com Neurilan, os conflitos relacionados à decisão de apoiar o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) ou lançar um candidatura própria, são questões que logo vão ser solucionadas pelo próprio DEM.

“Por outro lado, eu acho que o prefeito Emanuel Pinheiro está fazendo um bom trabalho. Não quero aqui entrar no detalhe da questão que aconteceu com ele [em referência ao vídeo do dinheiro sendo guardado no paletó]. Aí cabe a Justiça fazer as investigações e apurar o que aconteceu. Mas vendo ele como gestor, eu moro aqui em Cuiabá e o Emanuel tem feito uma boa gestão”, afirmou.

Veja o vídeo

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 7 de outubro de 2019 às 13:59:52