https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/04/sirene.jpg

FURTO QUALIFICADO

Homem com 22 passagens criminais é preso novamente

Recorrente na prática de crimes de roubo e furto ao comércio em Várzea Grande, um homem de 36 anos foi preso pela Polícia Civil, em ação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf-VG) nesta segunda-feira (11.05).

O suspeito foi autuado em flagrante pelo crime de furto qualificado.

As diligências iniciaram logo após o responsável por uma loja, localizada na Avenida Couto Magalhães, região central da cidade, procurar a delegacia informando o furto ocorrido no período da manhã de segunda-feira.

A vítima relatou que um homem trajando calça jeans, boné branco e camiseta com listras pretas e verdes, foi até o estabelecimento se passando por cliente, pediu para ver algumas camisas e entrou quatro vezes no provador.

Por fim, ele informou que compraria duas camisas.

Na ocasião, ele apresentou um cartão para pagar as peças, porém, administradora não autorizou a compra. Em seguida, ele saiu da loja dizendo que sacaria o dinheiro e retornaria para buscar as camisas pedindo, inclusive, para reservas as peças e deixando seu telefone de contato.

Como o cliente não retornou, a vendedora mandou uma mensagem para o número de telefone informado e uma mulher respondeu, se identificando com ex-esposa e informando que o suspeito é ex-presidiário.

Em seguida, a gerência da loja foi conferir o estoque e constatou que o suspeito havia subtraído quatro camisas de marca, gerando prejuízo de R$ 1,4 mi.

O que mais chamou a atenção foi que as peças possuíam dispositivo antifurto, porém, quando o suspeito saiu da loja o alarme não foi acionado.

Conforme apuração policial, o suspeito colocou as peças sob a roupa que usava, utilizando papel-alumínio para bloquear o sensor antifurto.

Durante investigação, os policiais civis conseguiram identificar o autor do furto, que estava hospedado em um hotel no centro de Cuiabá. No momento da abordagem, ele estava com as mesmas roupas que usava no momento do crime.

Indagado sobre os fatos, o suspeito confessou o crime alegando que já havia trocado os produtos furtados por droga. Encaminhado para a Derf-VG foi verificado que o suspeito tem 22 passagens criminais, com quatro condenações, sendo três por furto e uma por roubo.

Em interrogatório, ele informou que pagava a diária do hotel com dinheiro dos furtos que praticava e também para sustentar o vício.

Diante das evidências, o homem foi autuado em flagrante por furto qualificado e encaminhado a uma unidade prisional, onde permanece à disposição da Justiça.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *