https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/07/e239722c50ee44de9954b4fef1c9600a-e1564596602662.jpg

PAUTA BOLSONARO

Briga entre Edgard Piccoli e Caio Coppolla gera confusão no Twitter

Reprodução

A edição de de terça-feira (30) do Morning Show, na emissora Jovem Pan, foi marcada por uma intensa discussão entre o âncora Edgard Piccoli e o analista político Caio Coppolla.

Durante a transmissão do programa, que acontece no rádio e ao vivo pela internet, Edgard criticou Caio, após a fala dele sobre a declaração do presidente Jair Bolsonaro a respeito do desaparecimento do estudante Fernando Santa Cruz, durante o período da Ditadura Militar.

Depois do bate boca, Edgard começou a ser criticado por páginas políticas alinhadas à direita nas redes sociais.

O perfil Isentões sugeriu que ele havia recebido verba federal no ano de 2017 e, pos isso, não era tão crítico ao governo de Michel Temer. “Não vi o Edgard criticar com tanta frequência os presidentes anteriores. Ficou chateado por não receber mais a ‘boquinha’ do governo?”, escreveu a página.

Edgard rebateu a informação e ameaçou processar o perfil. “Vocês acabaram de cometer um crime. Pagarão pelas regras legais. Tudo devidamente printado. Vale informar que a ação do Ministério da Saúde foi feita pela Jovem Pan no Morning Show e meu justo e merecido cachê foi uma fração que some frente ao valor aí editado no intuito do crime”, respondeu o apresentador.

A página Ódio do Bem também critico Edgard. “Qual foi o crime que o lsentões cometeu? Divulgar o print de uma informação pública? Ô bicho, doido!”.

Piccoli rebateu: “Caluniou e difamou ao atribuir à minha pessoa, valor que nem eu, nem minha empresa recebemos jamais”.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 31 de julho de 2019 às 14:18:38