https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/08/30082018-palmeiras-0-x-1-cerro-porteno-felipe-melo-foi-expulso-aos-tres-minutos-de-jogo-apos-uma-dividida-de-bola-no-ataque-o-arbitro-mostrou-o-amarelo-voltou-atras-e-20082019203857596.jpeg

2020

O zen futebol japonês quer o pitbull Felipe Melo

Reprodução Twitter

Os 56 cartões que Felipe Melo levou no Palmeiras, em dois anos, quebrou todos os recordes de jogadores mais punidos que vestiram a camisa verde.

Apesar das expulsões infantis, como a contra o Grêmio, em Porto Alegre, ele segue sendo o líder do poderoso grupo de jogadores montados com o dinheiro do clube e dos bilionários patrocinadores, Crefisa e Puma.

Quando consegue ficar os 90 minutos em campo, o volante mostra viver sua melhor temporada na volta do futebol brasileiro.

Aos 36 anos chama a atenção a capacidade que tem de proteger a área palmeirense. Os toques de primeira na saída de bola. As cabeçadas nas jogadas ensaiadas por Felipão nos escanteios e faltas paradas.

E de maneira discreta, sem alarde, empresários representando o futebol japonês se aproximaram do Palmeiras.

Estudam a possibilidade de levar o jogador para uma das maiores equipes do país. O nome vem sendo mantido em sigilo.

A transferência seria para o fim do ano, já que a de verão já fechou há oito dias.

Tudo ainda é embrionário, mas o interesse já chegou até a diretoria palmeirense.

Além do Japão, o nome do volante tem muita aceitação no Flamengo. Mas por conta da disputa entre os clubes mais ricos do país, o Palmeiras, se tiver de negociar, prefere mandar Felipe Melo para o Japão.

Por mais indisciplinado que seja, o Pitbull não ficará sem lugar para jogar…

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *