https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/12/23aaac97551e2a6fe85b182bac9fe8e1-e1555500368580-785x466.jpg

USO DA DEFAZ

Janaína diz que comissão poderá realizar oitivas sobre denúncia de Emanuel na AL

JL Siqueira

A vice-presidente da Assembleia Legislativa, deputada Janaína Riva (MBD), em conversa com o Site Mato Grosso Mais, nesta quarta-feira (4), disse que o colegiado da Casa pode criar uma comissão para acompanhar diretamente a denúncia feita pelo prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), e que poderá realizar até oitivas.

“Ele acusa o Governo de ter transferido os dois delegados porque não seguiram determinação supostamente dado pelo Governo do Estado, agora é aguardar a decisão que deve ser tomada pelo colegiado, para ver o que vamos fazer, se vamos convidar o prefeito ou o delegado aqui na Assembleia para serem ouvidos a respeito do que o prefeito Emanuel trouxe”, disse a parlamentar.

A denúncia foi feita nesta semana pelo prefeito que protocolou junto ao Legislativo um pedido para que seja investigada uma suposta articulação na Polícia Civil para prejudicá-lo e atender interesses políticos do Governo do Estado.

O presidente da Assembleia, deputado Eduardo Botelho (DEM), disse que deve atender ao pedido do deputado Max Russi (PSB), que sugeriu a criação de uma comissão, com até cinco parlamentares, para acompanhar a denúncia do prefeito. Janaína seque na mesma linha.

“Eu acho que seria importante, por isso, queríamos tratar isso no colegiado, pra criar uma comissão de três a cinco deputados, que possam fazer o acompanhamento e o desdobramento disso. Tratar isso com cuidado e com a cautela que merece ser tratado, porque estamos falando da Delegacia Especializada em Crimes Fazendários (Defaz), está falando de interferência em investigações, então acho que é importante tratar com muita cautela”, esclareceu a deputada.

Sobre a atitude do prefeito de procurar a AL, e não outros órgãos que teriam mais competência em investigar a denúncia, Janaína deu sua opinião.

“Eu não vejo que a Assembleia, não seja, fórum competente também para esse debate, Emanuel foi deputado, ele sabe também que o compromisso que a Assembleia tem que ter, em resguardar e fiscalizar o Poder Executivo. Então, não sei se é o eficiente, mas eu acho que a Assembleia pode desempenhar um papel nisso, sim, e pelo menos acompanhar aqui que foi denunciado pelo prefeito”, finalizou Janaína.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 4 de dezembro de 2019 às 21:46:08