https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/02/camara-d-evg.jpg

PRESO HÁ 2 MESES

Jânio Calistro tem 30 dias para voltar à Câmara de Vereadores e não perder cadeira

O vereador por Várzea Grande, Jânio Calistro (PSD), preso, por supostamente estar associado a um grupo de traficantes, terá 30 dias, contados a partir desta sexta (14), dia que o legislativo retorna suas atividades, para voltar ao cargo.

Caso isso não ocorra, o parlamentar entra em licença automática e em seu lugar assume o suplente, o vereador e jornalista Caio Cordeiro (PRP).

A assessoria da Câmara de Várzea Grande informou que, inicialmente, somente essa ação será tomada e que tudo depende do prazo de 30 dias previsto no regimento interno.

Na semana passada, o MBL – Várzea Grande informou pelas redes sociais que protocolaria denúncias no Ministério Público pedindo o afastamento do vereador.

Jânio está preso desde o dia 19 de dezembro em Várzea Grande. Procurada pelo Site Mato Grosso Mais, a advogada de Calistro, Marcelle Ramires, disse que o caso aguarda o julgamento do habeas corpus na Justiça.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 14 de fevereiro de 2020 às 19:47:25
  • 14 de fevereiro de 2020 às 13:01:51