https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/04/2020-04-15t222336z-863373946-rc2a5g9uf48x-rtrmadp-3-health-coronavirus-new-york.jpg

INTERNACIONAL

EUA registra quase 2.600 mortes por COVID-19 em 24 horas

Lucas Jackson/Reuters

Os Estados Unidos registraram nesta quarta-feira (15) um novo recorde, com quase 2.600 mortes provocadas pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas, o pior boletim diário para um país em todo o mundo, segundo contagem na Universidade Johns Hopkins.

No total, morreram 2.569 pessoas de Covid-19 entre as 20h30 local de terça-feira e o mesmo horário desta quarta, segundo números da Universidade.

As mortes pelo novo coronavírus nos EUA já chegam a 28.325, mais do que qualquer outro país. O segundo lugar onde mais pessoas morreram em consequência da Covid-19, doença provocada pelo vírus, é a Itália, com 21.645 falecimentos, seguida pela Espanha, com 18.812.

Cinema em Los Angeles fechado por tempo indeterminado por causa do novo coronavírus, em foto de 15 de abril — Foto: Lucy Nicholson/ReutersCinema em Los Angeles fechado por tempo indeterminado por causa do novo coronavírus, em foto de 15 de abril — Foto: Lucy Nicholson/Reuters

Cinema em Los Angeles fechado por tempo indeterminado por causa do novo coronavírus, em foto de 15 de abril — Foto: Lucy Nicholson/Reuters

O número de casos confirmados nos Estados Unidos também é o maior do mundo. São 637.359, mais que o triplo do segundo país mais afetado, a Espanha, que tem 180.659. Em terceiro lugar está a Itália, com 165.155.

Apesar disso, nesta quarta, durante uma entrevista coletiva, o presidente Donald Trump afirmou que provavelmente o país já passou pelo pior da pandemia e disse que anunciará na quinta-feira diretrizes para reabrir a economia.

O Brasil subiu no ranking e agora aparece na posição 11 entre os países com mais casos, segundo a Johns Hopkins. São 28.610 confirmados, e 1.757 mortes. Segundo as secretarias estaduais de saúde, os casos brasileiros são 28.746. As mortes são 1.757, mesmo número indicado pela universidade dos EUA.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 16 de abril de 2020 às 15:28:56