https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/09/2beac4b9356532b6d5ac9f61e3e61c35.jpg

ELEIÇÕES 2020

EP se reúne com MDB para definir reeleição; Cuiabá deve ter 8 candidatos

Reprodução / GazetaDigital

Com a reta final para as convenções partidárias, que acabam amanhã (16), Cuiabá ainda vive em indecisões políticas, e com isso, muitas conjunturas e informações falsas. Com 3 candidaturas já homologadas para a disputa ao Palácio Alencastro, o pleito deverá ganhar mais 6 concorrentes, chegando a 8 interessados na cadeira da Prefeitura da Capital.

A decisão mais esperada é do atual prefeito Emanuel Pinheiro (MDB). O presidente municipal do Movimento Democrático Brasileiro em Cuiabá, Francisco Faiad, declarou que não houve qualquer reunião da cúpula do partido na casa de Pinheiro, nesta segunda-feira (14), em que supostamente teria sido ‘batido o martelo’ de que o emedebista disputaria a reeleição.

Já outras informações davam conta que nesta mesma reunião, Emanuel teria desistido de pleitear a reeleição e daria total apoio e tempo para o seu filho, o deputado federal Emanuelzinho (PTB), pré-candidato a prefeitura de Várzea Grande.

Segundo Faiad, essas informações se espalharam como pólvora e não passou de ‘fuxico’. Faiad adiantou que essa decisão deve ser finalizada em reunião real na manhã de terça-feira (15). A decisão será anunciada na convenção do partido que ocorre no período da noite.

Outras convenções 

O PROS lançou no último sábado (12), o nome de Gisela Simona à prefeitura, tendo o maestro Fabrício Carvalho (PDT) como vice.

Outro já escolhido em convenção foi Paulo Henrique Grando, do Novo. Ele terá como vice o seu correligionário Alvani Laurindo (Novo).

Já o PRTB lançou o professor Luiz Antônio de Carvalho. Já para vice, ficou definido em convenção, que a vaga será indicada pelo PSC.

O DEM deve confirmar Fábio Garcia na disputa. O PSD realizará sua convenção na quarta-feira (16), e deverá anunciar a desistência de Geraldo Macedo e coligar com o DEM.

Quem também oficializará a sua candidatura é Roberto França pelo Patriotas. O ex-prefeito vem buscando ampliar sua aliança. Porém, deve disputar com chapa pura mesmo.

Ainda na terça-feira (15), o vereador Abílio Júnior será oficializado pelo Podemos da capital. Ele terá como vice o também vereador Felipe Wellaton (Cidadania).

Já o PT marcou sua convenção para o último dia do prazo estabelecido pelo TRE, 16 de setembro. A sigla lançará Julier Sebastião para a disputa na capital.

Já o PSOL ainda não definiu quem lançar para a majoritária. Porém, deverá ter um nome próprio.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 15 de setembro de 2020 às 15:48:04
  • 15 de setembro de 2020 às 15:45:35